UOL Esporte Campeonato Gaúcho
 
17/01/2010 - 23h19

Grêmio ressalta união do grupo para virar sobre o Pelotas

Em 45 minutos o quadro de derrota que se apresentava para o Grêmio em sua estreia no Campeonato Gaúcho virou vitória. A conversa de Silas, a atuação de Jonas, as mudanças táticas e, principalmente, a união do grupo foram os motivos para a alteração de conduta. Por isso, jogadores, comissão técnica e dirigentes revelaram que o time deu um exemplo de união.

“Demos um exemplo de união. Os trabalhos acompanhados por vocês (imprensa) na serra eram feitos em 3 turnos. Mas a noite havia sempre uma reunião para manter essa unidade”, revelou Luiz Onofre Meira, assessor de futebol do Grêmio.

No vestiário brotaram manifestações que comprovaram as palavras do cartola. “No Grêmio ocorrem coisas diferentes de qualquer lugar no Brasil. O grupo está querendo muito. Antes de chegar no vestiário, no intervalo, já estávamos conversando, nem precisou o Silas cobrar muito. O resultado foi visto dentro de campo”, disse o atacante Borges, autor do segundo gol gremista.

“Temos liberdade de conversar uns com os outros, isto e fundamental”, revelou o técnico Silas. “Esta liberdade, por exemplo, me faz conversar com o Mário Fernandes e tentar mostrar para ele que é hora de apostar na lateral-direita. Se ele não se opor, por mim, é ali que ele irá jogar”, informou o treinador.

A união do grupo também é destacada pelo presidente Duda Kroeff. “Temos muito a crescer ainda, porém uma reação como esta nos credencia a crescer ainda mais”, destacou o mandatário gremista.

O próximo teste para a força do grupo do Grêmio será na quinta-feira, às 19h30 contra o Caxias em Porto Alegre.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host