UOL Esporte Campeonato Gaúcho
 
17/02/2010 - 07h15

Jorge Fossati mantém indignação com FGF e as datas do Gauchão

Jeremias Wernek
Em Porto Alegre
  • Nunca vi uma mãe maltratar um filho, disse Fossati

    "Nunca vi uma mãe maltratar um filho", disse Fossati

A questão já está definida, a direção do Inter desistiu de mudar as datas das fases eliminatórias da Taça Fernando Carvalho no Campeonato Gaúcho, mas Jorge Fossati não parece ter esquecido do assunto. O treinador voltou a criticar a decisão e disse que foi obrigado a escolher por algo que vai prejudicar o Internacional.

“Nunca vi uma mãe maltratar um filho, fomos obrigados a decidir por algo que vai prejudicar o Internacional, seja com reservas no domingo, se passarmos, ou na terça”, desabafou em entrevista coletiva.

O treinador do Inter já tem a decisão sobre quem vai jogar em caso de avanço para as semi finais, mas prefere aguardar o jogo contra o Juventude, na próxima quinta-feira. “Por respeito ao Juventude vou esperar. Na quinta, se tivermos vencido eu vou comunicar a vocês”, disse.

Jorge Fossati estendeu a crítica a política de valorização do Campeonato Estadual de 2010. “Escutei que todo mundo quer valorizar o Campeonato Gaúcho, mas com essa decisão das datas estão é desvalorizando”, comentou o técnico, fazendo referência à possibilidade do Inter jogar com time reserva a semi final do primeiro turno.

Contra o Juventude, 21h50, no estádio Beira-Rio, o Inter pode ter novidade no meio-campo, com Edu entre os titulares e Giuliano no banco de reservas. O último treino antes da partida acontece nesta quarta-feira à tarde.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host