UOL Esporte Campeonato Gaúcho
 
26/03/2010 - 16h02

Por estabilidade, Grêmio se prepara para vender um jogador no meio do ano

Marinho Saldanha
Em Porto Alegre

As finanças do Grêmio foram motivo de debate na última semana. Com gastos elevados para a formação do elenco, a direção do clube alegava que somente títulos trariam a estabilidade e até junho tudo estaria resolvido. Enquanto isso, o departamento financeiro demonstrava publicamente sua preocupação. Mesmo com a negativa dos dirigentes, o Grêmio se prepara para efetuar uma venda. Com o objetivo de estabilizar os gastos, Mário Fernandes e Victor são os mais cotados para a janela de transferências do inverno.

"Não dependemos diretamente de uma venda para assegurar o clube financeiramente. Teremos também poder de contratação, que é diferente de poder de compra", disse Luiz Onofre Meira.

Porém, 2 jogadores tem a possibilidade de repetir Réver e Douglas Costa, que deixaram o clube no início do ano. O goleiro Victor está sendo observado por empresários italianos que pretendem sua ida para o velho continente depois da Copa do Mundo. Provável convocado por Dunga, o jogador não demonstra interesse direto em deixar o Brasil. "Estou com a cabeça no Grêmio. Não quero me envolver com especulações. Prefiro não falar. Não sei o que há de verdade ou não. Isso é algo para ser conversado entre a diretoria e o meu representante", disse ao jornal Correio do Povo.

Mário parece estar mais disposto a jogar fora do país. O zagueiro é acompanhado de perto por um dirigente da Inter de Milão que, inclusive, esteve presente no Olímpico assistindo a vitória por 2 a 1 contra o Novo Hamburgo. Marco Branca esteve acompanhado do empresário Jorge Machado, representante do garoto. "Ele esteve aqui outras vezes e gostou de ver o Mário", disse o presidente Duda Kroeff.

O GRÊMIO NO TWITTER

Victor tem seus direitos divididos entre Grêmio e Paulista de Jundiaí. O clube de São Paulo torce pela venda do jogador para lucrar com seus 50%. Já Mário não teve, ainda, o objetivo do clube vencido pela por propostas. O Grêmio quer, ao menos, €15 milhões pelo jogador.

A janela de transferências internacionais está fechada no momento. A reabertura ocorrerá em 1º de julho. Os negócios ficam possíveis até 31 de agosto. "Vamos conseguir estabilizar o clube até o final do ano, pelo menos é o que esperamos", afirmou Duda Kroeff.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host