UOL Esporte Campeonato Gaúcho
 
28/03/2010 - 18h56

Diretoria garante Fossati no cargo e diz que não é hora de trocar o comando do Inter

Do UOL Esporte
Em Caxias do Sul

Depois de mais um insucesso, derrota por 2 a 0 para o Caxias, o Inter alcançou incríveis seis jogos sem vitória e caiu para o quarto lugar no grupo do Campeonato Gaúcho, quase de fora da próxima fase do estadual. Mesmo com todo este cenário de terror, a direção garante a permanência de Jorge Fossati. Mais por ser véspera de uma partida decisiva pela Libertadores, contra o Cerro, do que pelo comando do uruguaio.

“Confiamos que vamos conseguir reverter. O jogo foi diferente, não tivemos atuação semelhante a de quarta. Alteração agora não vai levar a nada. Vamos seguir assim”, disse o vice de futebol, Fernando Carvalho, logo depois da partida no estádio Centenário.

A crença da cúpula se baseia no currículo recente de Jorge Fossati, conquistando títulos com a LDU. Porém, no discurso de Carvalho, outro fato é citado. O medo de errar. “Sabemos que o treinador tem condições, e nosso grupo também, de reverter. Nós já passamos por isso e quando trocamos foi pior. Como o treinador conhece, e está trabalhando adequadamente, vai seguir”, analisou.

Na última sexta-feira, o próprio comandante admitiu pedir demissão caso não consiga reverter o quadro negativo neste principio de temporada. Mas o cargo jamais foi posto à disposição pelo treinador, é o que garante a diretoria. “Em nenhum momento ele entregou o cargo. Não espero e não vou falar em hipóteses”, sentenciou Carvalho.

O Inter volta aos treinamentos nesta segunda-feira. Precisa, na quarta, vencer o Cerro por dois motivos primários. Reduzir a crise e assumir a liderança do grupo 5 da Libertadores. Bruno Silva, com lesão no ombro é um desfalque de pronto.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host