UOL Esporte Campeonato Gaúcho
 
05/05/2010 - 18h42

Confiante, volante do Inter acha que Banfield vai 'tremer' no Beira-Rio

Jeremias Wernek
Em Porto Alegre
  • Torcida será importante no jogo, diz Sandro

    Torcida será importante no jogo, diz Sandro

O fator local pode ajudar o Inter a encarar o Banfield, da Argentina, no segundo jogo das oitavas de final da Copa Libertadores. Pelo menos essa é opinião do volante Sandro. Segundo o jogador, o time argentino, com melhor ataque do torneio, vai ‘tremer’ quando entrar no gramado do Beira-Rio, nesta quinta-feira, às 19h30min. Para seguir vivo, o clube gaúcho precisa fazer dois a zero nos gringos, encarando o vencedor de Estudiante ou San Luis.

“A gente vai ter que parar eles, está na hora .Eles estão muito bem, mas não conheceram o Beira-Rio ainda. Acho que eles vão tremer aqui”, opinou Sandro. “Temos que segurar ali atrás, por que é difícil atacar e defender bem. Não podemos tomar gol para complicar mais”, acrescentou.

Além da torcida, o espírito do grupo de jogadores pensa a favor do Inter. “Eu acredito, sim. Não só pelo fator local, mas pelo nosso time. Estamos ansiosos e querendo muito esse jogo, coisas que vão nos ajudar”, apontou o volante, que deixa o clube após a participação na Libertadores, indo para o Tottenham.

Na partida de ida, em Lomas de Zamora, o time de Jorge Fossati perdeu por três a um, teve um jogador expulso, e agora tem situação complicada. Buscando a vitória, o que pouco importa é quem vai fazer. “Seja gol de cabeça, de zagueiro, como tem saído. É a hora de todo mundo tentar marcar para ajudar o time. Os atacantes são decisivos e vão marcar, sim”, comentou Sandro.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host