Grêmio quer lateral do Inter suspenso enquanto durar recuperação de Bolaños

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

A direção do Grêmio mostrou toda sua irritação com o lance que ocasionou duas fraturas no rosto de Bolaños no primeiro tempo do clássico Gre-Nal. Segundo o diretor executivo de futebol, Rui Costa, o clube vai acionar o STJD pedindo que William esteja suspenso enquanto Bolaños se recupera. O prazo inicial é ao menos 30 dias. 

"Quem ver o lance poderá confirmar o quanto assustador foi o lance. É um jogador que usa o cotovelo. Costuma usar o cotovelo. Desde o ano passado já foi assim várias vezes. E no lance vai de forma proposital até o Bolaños, com intenção de acertar nosso jogador", reclamou Rui. 

Bolaños passará por cirurgia na quarta-feira. O rosto do jogador, que fazia sua segunda partida com a camisa gremista, está desfigurado. Com o maxilar solto por conta das duas fraturas, ele passará por um longo e doloroso tratamento. 

"Terá que tomar morfina, passará por uma cirurgia muito dolorosa. Alguém se perguntou isso? Alguém se preocupou com isso?  E o árbitro não deu nem cartão amarelo para ele. Quem tem que explicar isso é ele, que está fechado lá dentro", disse apontando aos vestiários e citando o árbitro Anderson Daronco. 

O diretor foi claro ao pedir ação do STJD. Segundo ele, William deverá ficar fora de atividade enquanto durar a recuperação de Bolaños. "Vamos acionar o tribunal. Isso não pode ficar por isso mesmo", repetiu. 

Em campo, Grêmio e Internacional ficaram no 0 a 0. O jogo valeu pelo Gauchão e também pela Primeira Liga. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos