Súmula do Gre-Nal não cita agressão a Bolaños e lembra área técnica menor

Do UOL, em Porto Alegre

  • Jeremias Wernek/UOL

    Argel usa área técnica com marcação antiga e redução é relatada em súmula

    Argel usa área técnica com marcação antiga e redução é relatada em súmula

Divulgada no início da tarde desta segunda-feira (07), a súmula do clássico Gre-Nal 409 não cita o lance entre o lateral William, do Inter, e o atacante Bolaños, do Grêmio. A cotovelada do colorado acabou com duas fraturas na mandíbula do gremista. A marcação errada na área técnica foi sublinhada pelo árbitro Anderson Daronco. 

No 'relatório do jogo', Daronco cita que expulsou, aos '90 + 2' minutos, o zagueiro Paulão, do Inter, por 'ter desferido um pontapé de força excessiva na perna do adversário, Henrique Almeida'. 

Não há mais relatos de problemas entre jogadores. O lance entre William e Bolaños ocorreu aos 3 minutos da primeira etapa. Em uma dividida, o jogador do Inter ergueu o braço acertando uma cotovelada no rosto do gremista. O equatoriano levou a pior e fraturou a mandíbula em dois lugares. Ficará parado por ao menos 30 dias. O assinalado na hora foi falta de ataque. 

A polêmica da área técnica

Antes do jogo, a área técnica do reservado visitante foi motivo de polêmica. O Inter reclamou de uma redução na marcação. O Grêmio alegou que remarcou a pedido da Conmebol para evitar que o treinador ficasse em frente ao delegado da partida, na mesa destinada a ele. No entanto, o regulamento do Estadual prevê áreas técnicas do mesmo tamanho. Isso foi registrado no documento do jogo. 

"Informo que as áreas técnicas não estão em conformidade com as regras do jogo. A área técnica do mandante está maior do que o descrito nas regras do jogo. E a área técnica do visitante está menor do que o descrito nas regras do jogo", relatou Daronco. 

Durante a partida, por acordo com árbitro, Argel pôde utilizar o espaço 'a mais' que havia sido retirado da área técnica dos visitantes na Arena. 

O TJD da Federação Gaúcha de Futebol já adiantou que William será denunciado no artigo 254-A e pode pegar até 12 jogos de punição. Caso seja confirmada intenção de acertar Bolaños e dano físico comprovado por laudo médico, o jogador do Inter pode ser punido com até 28 partidas ou ficar afastado enquanto durar a recuperação do gremista. 

Além de Paulão, expulso, Maicon, do Grêmio, também será denunciado por conta de uma falta dura em Rodrigo Dourado. Os trâmites legais devem ocorrer no decorrer da semana. 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos