Promessa faz dois, Inter leva susto mas goleia o Brasil de Pelotas

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Internacional

    Andrigo comemora gol do Inter pelo Campeonato Gaúcho contra o Brasil de Pelotas

    Andrigo comemora gol do Inter pelo Campeonato Gaúcho contra o Brasil de Pelotas

O Internacional levou um susto e acabou o primeiro tempo vaiado. Estava atrás do Brasil de Pelotas e jogou pouco. Mas em cinco minutos, virou o jogo e transformou a pressão em goleada. Nesta quinta-feira (31), o placar final foi 4 a 1, com dois gols da jovem promessa Andrigo. O placar simbolizou novo passo do time vermelho para garantir a melhor posição possível na primeira fase do Gauchão. 

Faltando uma rodada apenas para o fim da etapa inicial do torneio, o Colorado assumiu o terceiro lugar. Está com 23 pontos, dois a menos que o vice-líder São José. Contando com uma vitória na rodada final e um tropeço do oponente, ficará em segundo, atrás apenas do Grêmio, que tem primeiro posto já garantido. 
 
Ser vice-líder garante vantagem nas eliminatórias seguintes e ainda garante que um eventual Gre-Nal acontecerá apenas na final. 
 
Com participação em dois gols, fazendo um e dando assistência, Anderson foi destaque da partida junto a Andrigo, que marcou duas vezes. Vitinho fez o outro gol do time de Porto Alegre. 
 
INTERNACIONAL 4 X 1 BRASIL DE PELOTAS
 
Data: 31/03/2016 (Quinta-feira)
Local: Estádio Beira-Rio
Árbitro: Daniel Nobre Bins
Auxiliares: Antonio Albornoz e Fabrício Bassegio
Renda: R$ 220.300,00
Público: 8. 735 (total)
Cartões amarelos:  Eduardo Sasha (INT); Marcos Paraná (BRA)
Gols: Marcos Paraná, do Brasil de Pelotas, aos 11 minutos do primeiro tempo; Anderson, do Inter, aos 4 minutos do segundo tempo;  Andrigo, do Inter, aos 6 minutos do segundo tempo; Andrigo, do Inter, aos 20 minutos do segundo tempo; Vitinho, do Inter, aos 28 minutos do segundo tempo; 
 
INTERNACIONAL
Alisson; William (Marquinhos), Paulão, Ernando e Artur; Fernando Bob, Fabinho, Anderson (Jair) e Andrigo; Vitinho e Eduardo Sasha (Aylon).
Técnico: Argel Fucks 
 
BRASIL DE PELOTAS
Eduardo Martini; Weldinho, Cirilo, Fernando Cardozo e Brock; Leandro Leite (Galiardo), Washington, Diogo Oliveira e Felipe Garcia (Moisés); Marcos Paraná e Ramón (Natan).
Técnico: Rogério Zimermann

Fases do jogo

  • Primeiro tempoO Brasil de Pelotas não se acovardou no Beira-Rio. Mesmo em posição inferior na classificação do Gaúcho, a equipe que disputará a Série B neste ano criou, em boas conclusões as melhores chances no início do jogo com o Inter. Tanto que abriu o placar em um golaço, de primeira, de Marcos Paraná, aos 11 minutos de jogo. Uma vez na frente, o Brasil tratou de recuar suas linhas e manteve superioridade graças aos defeitos ofensivos do Inter, que abusou de cruzamentos e lançamentos longos. Sempre sem sucesso. Aos 42 minutos, o Inter ganhou uma bela chance. O árbitro marcou tiro livre indireto dentro da área por Eduardo Martini retardar o jogo. Mas Vitinho desperdiçou.
  • Segundo tempoApós ser vaiado ao fim do primeiro tempo, o Inter voltou diferente. Logo aos 4 minutos do segundo tempo, Anderson deu igualdade ao placar após uma troca de passes com Fabinho e Sasha. E dois minutos mais tarde, Andrigo virou o jogo. O Inter retomou na saída e foi direto até a virada. Na frente no placar, o Inter assumiu o comando da partida. Após manter a posse e rondar o gol adversário, Anderson enfiou para Andrigo, que colocou nas redes o terceiro colorado. Em seguida, Vitinho, com um chute forte, marcou o quarto, tranquilizando absolutamente o jogo e deixando o adversário totalmente perdido. Foi tudo em campo, com vitória tranquila do Internacional, construída depois de muita dificuldade.

Destaques

  • ProtestosNão demorou para a torcida do Inter começar a protestar. O mau desempenho no começo do ano gera cobranças repetidas sobre a direção do clube e o técnico Argel Fucks.
  • Reforço pertoNa França, o técnico do Rennes confirmou o acerto do Internacional com o meia-atacante Quintero. O clube ainda não anunciou o jogador porque aguarda documentos.

Melhores

  • Andrigo, InternacionalFez dois gols e participou da jogada do gol de Anderson. Foi fundamental nas ações ofensivas do time.

Piores

  • Moisés, Brasil de PelotasEntrou, o jogo estava 1 a o para o Brasil de Pelotas. Seu objetivo único era reforçar a defesa e manter o resultado. Em 5 minutos o Inter já vencia o jogo.

UOL Cursos Online

Todos os cursos