Bolaños vai bem nos treinos e deve voltar ao Grêmio contra o Juventude

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • (AP Photo/Nabor Goulart

    Equatoriano ficou 40 dias sem treinar e deve ser relacionado para jogo de quinta-feira

    Equatoriano ficou 40 dias sem treinar e deve ser relacionado para jogo de quinta-feira

Miller Bolaños voltará a jogar pelo Grêmio nos próximos dias. Não será contra o Toluca-MEX, pelo grupo seis da Copa Libertadores, mas ao que tudo indica diante do Juventude – na semifinal do Gauchão. O equatoriano deverá iniciar o jogo da próxima quinta-feira no banco e ser utilizado no decorrer do confronto.

A volta de Bolaños acontece sete semanas após o Gre-Nal 409, onde ele fraturou a mandíbula após choque com o lateral direito William, do Internacional.

Principal reforço do Grêmio, o meia-atacante voltou a treinar com o elenco no final de semana. Os médicos do time gaúcho aprovaram a movimentação dele nas atividades.

"O Bolaños voltou muito bem. E pela gravidade da lesão, voltou rápido até. É muito bom ter ele conosco de novo, ainda amais em um momento decisivo como esse", disse o zagueiro Fred.

A agenda do Grêmio reserva três jogos em seis dias. Até por conta do calendário apertado, e da liberação médica, Bolaños vai voltar.

Na terça, o time de Roger Machado recebe o Toluca na última rodada da fase de grupos da Libertadores. Quinta-feira, em Caxias do Sul, o Grêmio inicia a disputa com o Juventude por uma vaga na final do Gauchão.

É nesta partida no Alfredo Jaconi que Bolaños deve voltar a jogar. O plano do Grêmio é lançar o equatoriano a campo na etapa final, dependendo do resultado e contexto da disputa. No domingo, em Porto Alegre, o Tricolor recebe o Juventude encerrando o duelo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos