Renato cobra Grêmio após criar pouco e dedica vitória a Douglas

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

A vitória do Grêmio em cima do Passo Fundo, neste domingo (12), foi para o gasto. Esta foi a análise de Renato Gaúcho, logo depois do jogo pela terceira rodada do Gauchão. O treinador cobrou a pouca criação de chances e dedicou o triunfo a Douglas, que será submetido a cirurgia no joelho nesta segunda-feira e ficará pelo menos seis meses parado.

O resultado foi conquistado com um gol de Ramiro e rendeu salto na tabela.

"É muito pouco. Muito pouco... Mas é normal, é início de temporada, as equipes do interior estão treinando há tempos, com ritmo. O Grêmio mandou no jogo, teve 72% de posse de bola, mas mesmo com a posse de bola nós criamos pouco. Demos muito pouco trabalho ao goleiro adversário. Os espaços eram muito curtos, mas mesmo assim acredito que poderíamos ter criado mais. O importante foi os três pontos, não adianta massacrar e não vencer. Sei que minha equipe precisa melhorar, vai melhorar", disse Renato.

Sem Douglas, Miller Bolaños foi o escolhido para começar a partida. O equatoriano se movimentou muito, participou de boas jogadas e recebeu elogios.

"Esteve bem, esteve bem. Criou, se movimentou. É um jogador com técnica, inteligente", comentou Renato Gaúcho. "O Miller esteve bem, mas não vamos encontrar outro Douglas. Não tem, tenho admiração pelo Douglas. Apesar de ser uma vitória magra, dedico ao Douglas. Por tudo que ele já fez, pela importância dele ao clube", completou mais adiante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos