D'Alessandro completa 350 jogos pelo Inter com missão incomum

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter

    Meia tem 78 gols em 349 jogos e comemora marca histórica neste sábado

    Meia tem 78 gols em 349 jogos e comemora marca histórica neste sábado

O duelo com o São Paulo-RS, neste sábado (18), será o jogo 350 de D'Alessandro pelo Internacional. Capitão e multicampeão pelo Colorado, o argentino celebra a marca em uma nova fase da vida em vermelho e branco. E a missão da vez é bem incomum para quem já ganhou tanto: o objetivo é fazer o clube entrar na zona de classificação do Gauchão.

Com 33% de aproveitamento, o Inter é nono colocado e precisa correr para garantir vaga na próxima fase do estadual.

Atual hexacampeão, o Colorado teve D'Alessandro em cinco destes títulos recentes. E nunca viveu um momento como o atual, entrando na reta final da primeira fase ameaçado de eliminação precoce.

Desde 2008, o Inter com D'Alessandro brigou por objetivos bem maiores do que agora. Com menos de seis meses de Brasil, o meia foi campeão da Copa Sul-Americana. No ano seguinte, chegou à final da Copa do Brasil e foi vice-campeão brasileiro. Em 2010, conquistou a Copa Libertadores e rendeu o título de melhor da América ao argentino, em eleição do jornal El País.

Em 2011, a sequência de conquistas estaduais se iniciou e a fama de carrasco do rival Grêmio se perpetuou. Gols, assistências. Vitórias. D'Alessandro jogou 349 partidas pelo Inter em um patamar sempre alto. Em 2015, depois de um pequeno desmanche do time que foi até a semifinal da Libertadores, ficou sozinho como uma das vozes do vestiário. Teve atrito com a diretoria e no ano seguinte saiu. Assistiu da Argentina o rebaixamento histórico do clube.

Voltou ainda no final de 2016 para ajudar na reforma do clube. E no começo de 2017 já atingiu a marca de 78 gols pelo Internacional. Destes, 28 foram com pé esquerdo, 13 com pé direito, 11 de falta e 26 de pênalti.

"O D'Alessandro é o nosso principal jogador, é o líder do grupo. Está entre os três maiores ídolos da história do clube, na minha opinião", elogiou Antônio Carlos Zago.

Faltando quatro rodadas para o término da primeira fase, o Inter precisa de pelo menos duas vitórias para brigar por uma vaga. O jogo com o São Paulo-RS abre a série de partidas com caráter vital. Depois, o time pega Ypiranga-RS e São José-POA fora de casa e o Cruzeiro-RS, mas sem ter o mando de campo após punição aplicada pelo TJD-RS (Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul).

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X SÃO PAULO-RS

Data e hora: 18/03/2017 (sábado), às 19h (Brasília)
Local: estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: PPV
Árbitro: Jean Pierre Lima
Auxiliares: Elio Nepumoceno Júnior e Gustavo Schier

INTERNACIONAL: Danilo; William, Leo Ortiz, Ernando e Uendel; Anselmo, Dourado e D'Alessandro; Nico, Carlos e Brenner
Técnico: Antônio Carlos Zago

SÃO PAULO-RS: Roballo; Adriano Lara, Lacerda, Diego Rocha e Henrique; Dema, Fidélis, Cleiton e Leomir; Chico e Neilson
Técnico: Gilson Maciel

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos