Grêmio empata quarto jogo seguido no Gauchão. Time reclama de atenção

Do UOL, em Porto Alegre

O empate com o Novo Hamburgo foi o quarto seguido na agenda do Grêmio dentro do Campeonato Gaúcho. Para os jogadores, novamente o Tricolor pagou o preço pela desatenção. E a desvantagem afetou a produção ofensiva, que nesta quarta-feira (22) foi quase nula.

"Mais uma vez em bobeira nossa o adversário faz o gol. A gente sai atrás e precisa correr atrás. Esse ponto é amargo. Um empate com gosto de derrota", disse Everton.

O Grêmio fechou o primeiro tempo, no estádio do Vale, sem nenhuma finalização. Sem nenhuma chance viva de gol. Na etapa final, Renato Gaúcho jogou o time mais para frente ainda e pagou o preço com um sistema defensivo mais exposto.

"De positivo temos que tirar que o time não desiste. Mas temos que ter mais atenção para não sair sempre atrás do resultado", comentou Marcelo Oliveira.

O Grêmio, de fato, não desistiu. Tanto que o gol saiu aos 46 minutos, com Léo Moura finalizando após levantamento na área de Marcelo Oliveira. Antes disso, contudo, as chances foram poucas. Gastón Fernández concluiu quase da marca do pênalti e o goleiro defendeu.

"Acho que a gente poderia ter imprimido um ritmo mais forte. Começamos bem, mas depois deixamos cair um pouco. Serve de aprendizado, não podemos deixar o tempo passar. O campeonato está afunilando, mas querendo ganhar esse título", afirmou Léo Moura.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos