Técnico do Grêmio lamenta azar no final, mas elogia estreia no Gauchão

Do UOL, em Porto Alegre

  • Rodrigo Fatturi/Grêmio

César Bueno gostou da atuação, mas não do resultado do time de transição do Grêmio na estreia do Campeonato Gaúcho. Depois de ceder empate ao São Luiz-RS nos acréscimos, o treinador disse que o Tricolor teve azar pelo chute desviado que terminou em gol. Ainda assim, elogiou o rendimento da equipe cheia de garotos.

O Grêmio abriu o placar no primeiro tempo, com Matheus, e tinha a partida controlada. Na reta final, Paulo Miranda foi expulso e os donos da casa foram para o abafa.

"É início de trabalho, está bom. Tivemos um pouco de azar, mas foi uma prova de fogo", disse Bueno. "O gramado pesado não ajudou muito, mas o time foi bem. Fizemos um bom jogo. Criamos chances, fizemos o gol", comentou também.

Ainda no começo do primeiro tempo, o Grêmio foi forçado a fazer a primeira das três substituições. Anderson sentiu e deu lugar a Leonardo Gomes. Todas as trocas foram por lesão e isso também afetou os planos do Tricolor.

"Minhas substituições foram todas por lesão. Anderson, Lima, Ancheta. Tinha Mendonça, Isaque... Eles pediram substituição, mas não deu. O gramado pesado não ajudou. O tempo fez falta, mas é assim mesmo. Esperamos uma evolução", declarou César Bueno.

O Grêmio volta a jogar pelo Gauchão no sábado, quando enfrenta o Caxias na Arena. O time de transição segue representando o clube no estadual. O elenco principal, campeão da Libertadores, se reapresenta nesta quinta-feira (18) e deve estrear em fevereiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos