Técnico do transição do Grêmio indica data da estreia dos titulares

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    César Bueno (dir) teve conversa com Renato Gaúcho nesta segunda-feira

    César Bueno (dir) teve conversa com Renato Gaúcho nesta segunda-feira

César Bueno, treinador do time de transição do Grêmio, indicou que deve atuar apenas em mais duas rodadas do Campeonato Gaúcho. Nesta segunda-feira (22) ele revelou que o plano original do Tricolor para o estadual prevê uso dos garotos até a quarta rodada. Depois, devem entrar os atletas campeões da Libertadores e que iniciaram pré-temporada no dia 18.

O cronograma, assim, deve reservar para 3 de fevereiro a estreia de Luan e companhia. Neste dia, o Grêmio recebe o Cruzeiro-RS, às 17h (Brasília), na Arena.

"Na verdade, o planejamento inicial era para fazer os primeiros três jogos. Nem tem como botar os outros. A certeza mesmo era os três jogos. Vai depender da evolução deles o jogo de domingo. Não passa pelo resultado. Pode ser que a gente ganhe e no domingo venham alguns titulares. Não é algo fixo. Mas a tendência é que domingo a gente ainda vá. Independente do resultado de quarta-feira. Acredito que seja o grupo de transição até domingo", disse Bueno.

Na próxima quarta-feira, o Grêmio visita o Avenida. No domingo, joga contra o São José-POA no estádio Passo D'Areia. Depois disso, o Tricolor tem uma semana inteira de treinos até a próxima rodada do estadual onde encara o Cruzeiro-RS em casa.

O uso de titulares contra o Cruzeiro-RS já era cogitado antes mesmo da volta do time principal das férias. A partida era apontada como uma das prováveis estreias por conta da Recopa Sul-Americana. No dia 14 de fevereiro, o Grêmio encara o Independiente-ARG fora de casa.
Após o jogo contra o Cruzeiro, o Grêmio volta a campo diante do Brasil-PEL. A partida está marcada para 7 de fevereiro, uma quarta-feira, às 21h45 (Brasília).

Datas separadas para o plano B

Internamente o Grêmio já reservou duas datas para disputar jogos-treino. O Tricolor separou os dias 4 e 10 de fevereiro para realizar atividades com maior grau de competitividade no CT Presidente Luiz Carvalho. O par de desafios será abortado se a preparação física liberar os atletas para atuar no Gauchão. E aí entra o jogo contra o Cruzeiro-RS.

"A gente tem conversado. Ontem tivemos reuniões... Tudo para dar suporte ao trabalho. O Renato está totalmente inserido. Ele dá apoio, ele sabe de tudo e vê tudo. Conversamos sobre coisas do jogo, mas nada de especial. Foi mais para valorizar o trabalho que estamos fazendo", comentou César Bueno ao ser perguntado sobre conversa com Renato Gaúcho nesta segunda.

UOL Cursos Online

Todos os cursos