Gre-Nal precoce decide quem desafia interior e quem sai de férias mais cedo

Jeremias Wernek e Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Divulgação/Grêmio

    Rivais se enfrentam em dois jogos pelas quartas de final do Campeonato Gaúcho

    Rivais se enfrentam em dois jogos pelas quartas de final do Campeonato Gaúcho

O duelo entre Grêmio e Internacional, pelas quartas de final do Gauchão, vale mais do que a simples vaga na próxima fase. Tem peso maior do que tirar um rival do páreo. Para os dois lados, classificar significa não entrar em férias forçadas de quase 15 dias. Ao mesmo tempo, avançar é o sinal para encarar um interior fortalecido nos últimos meses.

Em 2017, o campeão gaúcho saiu do Vale dos Sinos - o Novo Hamburgo. Neste ano, Brasil de Pelotas e Caxias fecharam a fase de classificação com as melhores campanhas. O Inter foi terceiro e o Grêmio, ainda de ressaca pela Libertadores e vice do Mundial, apenas sexto.

Férias?

Quem for eliminado após os dois clássicos ficará pelo menos 13 dias inativo. Depois do Gre-Nal da próxima quarta-feira, tanto Inter quanto Grêmio não terão jogos imediatos. O Tricolor atua em 4 de abril, contra o Monagas-VEN, pela Libertadores. O Colorado entra em campo no mesmo dia pela quarta fase da Copa do Brasil.

Esses dois jogos, contudo, podem ser os únicos em quase um mês. A primeira rodada do Brasileirão começa em 14 de abril. Na Copa do Brasil, o segundo jogo da quarta fase pode ocorrer em 11 ou 18 de abril. Na Libertadores, a terceira rodada acontece no dia 17.

"O objetivo é este (ser campeão). Até porque as outras sete equipes que estão nas quartas também querem isso. O primeiro (objetivo) era correr atrás do prejuízo, que era enorme. E quando estávamos lá atrás eu falei que uma das oito vagas era do Grêmio. Lógico que agora é Gre-Nal, e lógico que trabalhamos para ser campeões, é óbvio", disse Renato Gaúcho.

Interior forte

O Brasil de Pelotas, treinado pelo ex-goleiro Clemer, fechou a primeira fase como líder isolado. O Xavante foi o time que mais venceu (seis vezes) e tem a terceira melhor defesa do estadual - atrás de Inter e Veranópolis. O Caxias, segundo colocado, foi a equipe que menos perdeu (uma derrota em 11 jogos) e aparece com segundo melhor ataque - atrás do Grêmio.

No ano passado, o interior também apareceu com força. O mesmo Caxias quase eliminou o Inter e o Novo Hamburgo despachou o Grêmio. Na final, o 'Noia' bateu o Colorado nos pênaltis e ficou com o título inédito e histórico do Campeonato Gaúcho.

O Gre-Nal também tem peso individual. Na Arena, é a chance de seguir atrás de uma reconquista local. O Tricolor não vence o Campeonato Gaúcho desde 2010. Já no Beira-Rio, eliminar o grande rival e continuar atrás do título dá fôlego para a reconstrução do clube.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO X INTERNACIONAL

Data e hora: 18/03/2018 (domingo), às 16h (Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: RBS TV e PPV
Árbitro: Anderson Daronco
Auxiliares: José Eduardo Calza e Leirson Peng Martins

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Madson (Léo Moura), Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Jailson, Maicon, Ramiro (Arthur/Alisson), Luan e Everton; Jael
Técnico: Renato Gaúcho

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Edenílson (Fabiano), Klaus (Rodrigo Moledo), Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Gabriel Dias, Patrick, D'Alessandro e Nico López (Marcinho); Roger
Técnico: Odair Hellmann

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos