Grêmio exalta recuperação após início ruim e põe Gauchão como "obsessão"

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Grêmio iniciou estadual com time B, chegou a ser lanterna e agora está na semifinal

    Grêmio iniciou estadual com time B, chegou a ser lanterna e agora está na semifinal

Ganhar o Campeonato Gaúcho 2018 virou prioridade para o Grêmio. Depois de eliminar o Internacional nas quartas de final, o Tricolor reconhece que se tornou grande favorito no estadual que tem times do interior no restante da disputa. Ao mesmo tempo, o grupo comandado por Renato Gaúcho valoriza a recuperação após arrancada ruim.

Na semifinal, o Grêmio enfrenta o Avenida-RS. O primeiro jogo será em Santa Cruz do Sul, domingo (25), e o segundo na Arena, na quarta-feira (28).

De volta das férias, atrasadas em 2017 pela disputa do Mundial, o grupo principal do Grêmio entrou no Gauchão herdando campanha horrível do chamado 'time de transição'. Chegou a ficar na lanterna do estadual. Mas conseguiu fechar a primeira fase em sexto lugar.

"Diziam que o Grêmio ia cair, o Renato bancou e a gente está aí, indo para mais uma", disse Léo Moura, um dos líderes do atual elenco.

A citação a Renato Portaluppi se explica. Depois de um revés com time principal, o treinador disse que o Grêmio iria classificar às quartas de final. Mesmo que naquele momento estivesse em posição ruim na tabela. O avanço se confirmou no restante das rodadas. Inclusive com vitória que tirou o rival Inter do primeiro lugar geral.

"No início do ano, mesmo vindo de um título da Libertadores e jogando contra o Real Madrid no Mundial, ouvimos que o Grêmio ia ser rebaixado. Agora o Grêmio está na semifinal. Ouvimos muita coisa de forma que nem deveria ser colocada. Mas ficamos quietinhos, trabalhamos e estamos aí", adicionou Bressan.

Agora, o estadual se torna uma obsessão. Pelo calendário, que não reserva outra competição maior em fase decisiva ao mesmo tempo. E pelo jejum de quase oito anos - o último título gaúcho conquistado pelo Grêmio foi em 2010.

"Esse grupo almeja esse título, o clube não vence há tempos", afirmou Bressan. "A competição mais importante é sempre aquela que estamos. Não ganhamos isso, queremos marcar época dentro do Grêmio. O Gauchão é o que temos pela frente. Faz tempo que a gente não ganha. A gente fala no vestiário que queremos buscar esse título. Depende da gente. Quem quer estar na história tem que vencer", acrescentou o zagueiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos