UOL Esporte Campeonato Inglês
 
18/09/2009 - 08h46

Adebayor alega que ex-companheiros o provocaram, após chute no rosto de rival

O atacante Emmanuel Adebayor falou nesta sexta-feira sobre o chute dado no rosto de Robin Van Persie, que lhe rendeu três partidas de suspensão, e a polêmica com a torcida do Arsenal. A imagem da agressão, por parte do jogador do Manchester City, chocou torcedores e especialistas, o que gerou a punição da Federação Inglesa de Futebol. O togolês, no entanto, diz que seus ex-companheiros lhe faltaram ao respeito no jogo.

O City enfrentou o Arsenal no último fim de semana e venceu por 4 a 2. "Houve jogadores do Arsenal que se negaram a estender a mão e me cumprimentar antes da partida", disse Adebayor, ao The Sun.

"Não posso entender porque alguns jogadores do Arsenal me faltaram ao respeito", completou o atacante. "Há limites aos insultos que um homem pode aguentar antes que exploda."

"As mesmas pessoas que me insultavam eram as que gritavam meu nome", disse ele, ex-jogador do Arsenal, que comemorou intensamente gol marcado na partida, o terceiro do City, provocando a torcida rival. "Mostrei (com a comemoração) que não era uma boa ideia me insultarem."

Com a punição, o togolês desfalcará o City no clássico com o Manchester United, neste domingo, West Ham e Aston Villa.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host