UOL Esporte Campeonato Inglês
 
28/10/2009 - 16h12

Após ser esfaqueado, defensor do West Ham é acusado de agredir a própria irmã

Nesta quarta-feira, Calum Davenport foi indiciado por uma suposta agressão a sua irmã. O defensor do West Ham a teria atacado no mesmo incidente no qual foi esfaqueado nas duas pernas.

O jogador, de 26 anos, negou qualquer agressão física em Cara Davenport. "Estou profundamente chocado e decepcionado com a decisão de me incriminarem por agressão. Pedirei por minha inocência. Por razões legais, não posso discutir mais sobre o assunto", afirmou, em comunicado oficial.

Em agosto, a casa da família do jogador, em Bedford, foi atacada. Calum e sua mãe, Kim Stupple, foram atacados e esfaqueados. O defensor sofreu ferimentos graves, passou por algumas cirurgias e voltou a participar de treinos leves.

Worrell Whitehurst, namorado de Cara, foi acusado pelo ataque e compareceu ao tribunal para prestar depoimento sobre o caso.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host