UOL Esporte Campeonato Inglês
 
31/10/2009 - 14h57

Chelsea goleia o Bolton e segue líder; Arsenal vence clássico e embala

O Chelsea entrou em campo diante do Bolton dependendo apenas de si para se manter na liderança isolada do Campeonato Inglês. E não decepcionou. Goleou o rival por 4 a 0, em pleno Reebok Stadium, repetindo o placar do confronto da última quarta-feira, pela Copa da Liga Inglesa. Já o Arsenal mostrou sua força ofensiva, venceu o clássico londrino diante do Tottenham por 3 a 0, em casa, e embalou na Premier League.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO INGLÊS

TIMEPONTOSJOGOS
1) Chelsea2711
2) Manchester United2511
3) Arsenal2210
4) Tottenham1911
5) Liverpool1811
6) Manchester City1811
Com a vitória, a equipe comandada pelo italiano Carlo Ancelotti subiu para 27 pontos, dois à frente do Manchester United, que derrotou o Blackburn por 2 a 0, no estádio Old Trafford. O Arsenal aparece em terceiro, com 22 pontos.

Assim como ocorreu três dias atrás, o Chelsea esperava por mais uma tranquila vitória. Mas não foi o que se viu no primeiro tempo. Os donos da casa exerceram uma forte marcação. Mesmo assim, o Chelsea era melhor e criava algumas oportunidades, como aos 19min, quando o goleiro Jaskelainen fez uma bela defesa numa oportunidade de Drogba. A melhor qualidade dos visitantes só começou a aparecer no final do primeiro tempo.

Aos 45min, Samuel derrubou Drogba dentro da área. Pênalti e expulsão do atleta do Bolton. Lampard cobrou e fez 1 a 0. Em vantagem no marcador e com um atleta a mais em campo, o Chelsea dominou completamente a partida. Aos 11min, por exemplo, Lampard acertou a pressão. A postura ofensiva surtiu resultado. Aos 15min, o brasileiro naturalizado português Deco ampliou.

A partir daí, o Chelsea administrou a partida. O Bolton não tinha forças para chegar ao ataque. Enquanto isso, o elenco londrino era eficiente em seus ataques. Aos 36min, Ivanovic divide bola com Knight e faz 3 a 0 --o juiz deu gol contra do rival. Nos acréscimos, Drogba fez o seu, após bela troca de passes do sistema ofensivo.

Enquanto isso, o Liverpool voltou a frustrar. Seis dias após derrotar o Manchester United, a equipe do brasileiro Lucas caiu diante do Fulham por 3 a 1 e parou 18 pontos. Detalhe: teve dois jogadores expulsos --Degen e Carragher.

Ataque mostra força, e Arsenal bate o Tottenham

Aliás, o clássico no Emirates Stadium era especial. Diferentemente do que ocorreu em temporadas passadas, as duas equipes entraram em campo com a mesma pontuação (19). Mas os donos da casa foram superiores desde o início como uma postura ofensiva. Criou boas oportunidades no primeiro tempo, com Van Persie e com Arshavin.

No entanto, não era eficiente. Porém, uma falha da defesa do Tottenham significou o início de uma tranquila vitória do Arsenal. Aos 41min, o brasileiro não conseguiu defender um desvio de Van Persie. Porém, teve pouco tempo para digerir o tento. Erro na saída de bola apenas um minuto depois. Atento, Fabregas recuperou, passou por alguns marcadores e ampliou. Pouca coisa mudou no segundo tempo.

Diante de um rival sem brilho, o Arsenal manteve a pressão. Anotou o terceiro, aos 14min, novamente numa falha de Gomes. Após cruzamento, o goleiro brasileiro soltou a bola nos pés de Van Persie, que tocou para o fundo das redes para selar a vitória do Arsenal por 3 a 0. O resultado comprova a força de seu ataque. Até o momento, em dez jogos, já balançou as redes em 32 oportunidades, sendo o mais positivo na competição.

Outros jogos: Sunderland 2 x 2 West Ham; Stoke City 2 x 2 Wolverhampton; Portsmouth 4 x 0 Wigan; Everton 1 x 1 Aston Villa; e Burnley 2 x 0 Hull City.

Atualizado às 17h33

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host