Prova de química fez promessa do United evitar festa após decidir clássico

Do UOL, em São Paulo

Imagine que você tem 18 anos, joga no Manchester United, faz sua estreia no Campeonato Inglês em um clássico contra o Arsenal e decide a vitória com dois gols e uma assistência. Motivo para comemoração à noite, certo? Não para Marcus Rashford, que evitou sair para festejar porque precisou estudar para uma prova na manhã seguinte.

Perguntado sobre como ia celebrar a grande atuação, o jovem atacante respondeu após o jogo: "Não vou comemorar hoje. Tenho uma prova de química amanhã".

Rashford fez uma inesperada estreia como profissional na última quinta-feira, quando o titular Martial se lesionou no aquecimento para a partida contra o Midtjylland, da Dinamarca, pela Liga Europa. O garoto marcou dois gols na vitória por 5 a 1. No fim de semana, contra o Arsenal, mais dois gols no triunfo por 3 a 2, e uma assistência para o gol de Herrera.

Com problemas de lesão no ataque - além de Martial, Rooney também está machucado -, Rashford deve continuar como titular do United. O próximo jogo é na quarta-feira, contra o Watford.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos