Pogba se cobra demais porque custou muito ao United, diz companheiro

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / Oli SCARFF

Paul Pogba ainda não fez valer os 105 milhões de euros (R$ 368 milhões) que o Manchester United investiu há seis meses, e talvez seja justamente o alto valor que impede o francês de deslanchar. A teoria é formulada por Henrikh Mkhitaryan, companheiro de elenco de Pogba.

"Ele precisa de um pouco mais de tempo para se adaptar porque não é muito fácil valer 105 milhões de euros", entende Mkhitaryan, que vê uma autocobrança muito grande por parte de Pogba.

"Para ele é difícil porque ainda tem 23 anos e talvez esteja pensando que precisa fazer mais do que está fazendo. Mas sei que ele vai encontrar a solução junto com o treinador e já está tentando isso", garante Mkhitaryan.

Pogba não tem números tão ruins na temporada: marcou sete gols em 31 partidas pelo Manchester United. Se comparada à média dos outros meio-campistas badalados do elenco, é melhor que a de Juan Mata (cinco em 25 jogos) e próxima à do próprio Mkhitaryan (quatro em 17). O que preocupa é que o francês não consegue emplacar uma sequência de partidas em alto nível.

"Talvez as pessoas estejam esperando dele algo extraordinário, alguns milagres, mas todo o mundo tem que saber que ele é um jogador de futebol, um ser humano, então ele só precisa jogar como tem jogado e assim melhorará", defende Mkhitaryan.

UOL Cursos Online

Todos os cursos