Com quatro de Agüero, City goleia e dá mais um passo para o título inglês

Do UOL, em São Paulo

  • Reuters/Jason Cairnduff

    Agüero deu show na vitória contra o Leicester

    Agüero deu show na vitória contra o Leicester

O Manchester City manteve a rotina no Campeonato Inglês. Com direito a atuações de gala do argentino Agüero (quatro gols) e do belga De Bruyne (três assistências), o time do técnico Pep Guardiola goleou o Leicester por 5 a 1 neste sábado, no Etihad Stadium. 

Com o resultado, a equipe da casa chegou a 72 pontos, 16 de vantagem para o atual vice-líder Manchester United, que ainda joga na rodada. Já o Leicester soma 35 e pode perder a oitava colocação. 

A vitória também dá moral para os comandados de Guardiola antes de uma sequência de jogos decisivos que envolvem mais três competições (contra o Basel, pela Liga dos Campeões, Wigan, pela Copa da Inglaterra, e Arsenal, pela Copa da Liga Inglesa).

Campeão em 2016, o Leicester não fez frente ao City na temporada. Antes de ser goleado neste sábado, o time já havia levado a pior no King Power Stadium tanto no primeiro turno da Premier League (2 a 0) como nas quartas de final da Copa da Liga Inglesa (derrota por 4 a 2 nos pênaltis, depois de 1 a 1 no tempo normal). 

Brasileiros em campo; Mahrez no banco

O Manchester City teve os brasileiros Ederson e Fernandinho entre os titulares. O goleiro não teve culpa no gol do Leicester e foi bem quando exigido, principalmente na reposição. O volante, que ficou com a braçadeira de capitão na ausência de Kompany, também manteve o bom nível. Já o lateral Danilo entrou na metade do segundo tempo e foi discreto. Gabriel Jesus segue afastado por lesão. 

Do lado do Leicester, destaque para a presença de Mahrez no banco. Um dos heróis do histórico título nacional de 2016, o argelino simplesmente não deu as caras no clube por mais de uma semana neste início de fevereiro.

O jogador não confirmou, mas o motivo da insatisfação teria a ver com o Manchester City. Segundo a imprensa inglesa, o Leicester negou nas últimas horas da janela de transferência uma proposta milionária do clube de Guardiola por Mahrez, que queria sair. 

Gol relâmpago e Vardy x Ederson

Paul Ellis/AFP

Quando a bola rolou, o Manchester City precisou de apenas dois minutos para abrir o placar. De Bruyne recebeu pela direita e deu belo passe para Sterling vencer Schmeichel. 

O cenário esperado para a partida não mudou depois do gol. O City adiantou a marcação e manteve a posse de bola por boa parte do tempo. Sem conseguir atacar, o Leicester apelou para ligações diretas para Vardy, mas o atacante foi antecipado em ao menos três ocasiões por Ederson.

O goleiro brasileiro, no entanto, nada pôde fazer quando o camisa 9 aproveitou erro de Otamendi, que deu passe na fogueira para Zinchenko, avançou com liberdade e tocou no canto num raro ataque visitante, aos 23 minutos. Tudo igual no Etihad.

De Bruyne + Agüero = 3 a 1

O primeiro tempo terminou com pressão do City, que só não ficou à frente do placar por causa de Schmeichel, que fez ao menos duas boas defesas.

Na volta para a etapa final, porém, a equipe de Guardiola novamente só precisou de dois minutos para abrir vantagem. De Bruyne cruzou rasteiro e Agüero empurrou para o gol vazio.

A dupla voltou a funcionar apenas seis minutos depois. Schmeichel repôs mal após recuo, Fernandinho aproveitou e abriu para De Bruyne, que achou Agüero. O argentino bateu forte e o goleiro aceitou.

Artilheiro encerra o show

Jason Cairnduff/Reiters
Jogadores do Manchester City festejam um gol contra o Leicester

A boa vantagem esfriou o jogo, com os donos da casa administrando a posse e pouco sendo ameaçados. Mas um erro de Schmeichel fez o triunfo virar goleada. O dinamarquês errou a saída de bola e a entregou nos pés de Agüero, que deu um belo toque de cobertura para chegar ao hat-trick aos 33 minutos.

Mas ele queria mais. Aos 45, o argentino recebeu livre de marcação na entrada da área, chutou forte e encerrou sua exibição de gala. São agora 197 em 256 jogos com a camisa azul.

Decisão atrás de decisão

Este foi o último compromisso do Manchester City antes de uma sequência de confrontos decisivos. Na próxima terça-feira (13), a equipe visita o Basel na Suíça pelo jogo de ida das oitavas de final da Champions League. Já no dia 19, segunda, o compromisso é contra o Wigan, pela quinta fase da Copa da Inglaterra. Para completar, dois duelos contra o Arsenal seguidos: O primeiro no dia 25, pela final da Copa da Liga Inglesa, e o segundo em 1 de março, pelo Inglês.

Já o Leicester também está vivo na Copa da Inglaterra. Na sexta-feira, dia 16, a equipe recebe o tradicional Sheffield United, hoje na segunda divisão do país. Pela Premier League, o próximo desafio é só no dia 24, diante do Stoke, também em casa.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos