Hazard dá show, torcida apoia Conte e Chelsea passeia sobre o lanterna

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • AFP PHOTO / Ben STANSALL

    Hazard fez dois gols e foi o grande nome dos 3 a 0 sobre o West Bromwich

    Hazard fez dois gols e foi o grande nome dos 3 a 0 sobre o West Bromwich

O Chelsea conseguiu esfriar um pouco da pressão que acomete a equipe nesta temporada do Campeonato Inglês. No jogo que encerrou a 27ª rodada, o time de Londres recebeu o lanterna West Bromwich no Stanford Bridge e venceu por 3 a 0, com show do belga Eden Hazard. O resultado recolocou o a equipe na zona de classificação para a Liga dos Campeões da Europa, em quarto lugar, com 53 pontos. O Tottenham caiu para quinto.

A partida começou com baixo nível técnico, muitos erros de passe e clara insatisfação da torcida com o desempenho dos jogadores. Por outro lado, os gritos das arquibancadas eram de apoio para o técnico Antonio Conte. O italiano vive sob pressão, com riscos de ser demitido, mas os torcedores se mostraram contrários a qualquer mudança no comando do time.

Para solucionar um jogo travado, em que os visitantes perderam chances claras nos primeiros 15 minutos, foi preciso recorrer ao talento de Hazard. O camisa 10 não se prendeu a uma posição e saiu da ponta esquerda para construir a jogada do primeiro gol no lado oposto. Em tabela com o centroavante francês Olivier Giroud, o belga saiu cara a cara com o goleiro e bateu firme no canto direito, aos 25 minutos.

Na etapa final, o Chelsea parecia mais leve. Assim, até Victor Moses conseguiu desgarrar das obrigações defensivas para aparecer com oportunismo e ampliar a vantagem aos 18 minutos. Já aos 26, novamente Hazard buscou jogo na direita, fintou o marcador e bateu de pé esquerdo, no contrapé de Ben Forster, para fechar o placar e chegar a 11 gols nesta edição da Premier League.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos