Com Gabriel Jesus decisivo, City volta a vencer com dois de espanhol

Do UOL, em São Paulo

  • Rui Vieira/AP

    David Silva marcou nos dois tempos e ajudou o líder City a vencer de novo

    David Silva marcou nos dois tempos e ajudou o líder City a vencer de novo

O Manchester City ficou um pouco mais perto nesta segunda-feira do título do Campeonato Inglês 2017/2018. Mesmo jogando fora de casa, o time do técnico Pep Guardiola venceu o Stoke City por 2 a 0, graças a dois gols do espanhol David Silva - com participação decisiva de Gabriel Jesus.

Com o resultado, o City chegou aos 81 pontos em 30 jogos, contra 65 pontos do vice-líder Manchester United na mesma quantidade de partidas. O Stoke City, por sua vez, é o penúltimo colocado entre os 20 times do torneio, com 27 pontos.

O Stoke City volta a entrar em campo no sábado, quando recebe o Everton pelo Campeonato Inglês. O Manchester City jogaria no dia seguinte, mas a partida contra o Brighton & Hove Albion foi adiada; desta forma, o time só joga de novo no dia 31, quando visita o próprio Everton.

Brasileiros têm atuação de destaque

O jogo contou com três brasileiros em campo, todos titulares do Manchester City: o goleiro Ederson, o meio-campista Fernandinho e o atacante Gabriel Jesus. Enquanto o primeiro não foi vazado, os outros dois participaram das jogadas dos dois gols. O ex-palmeirense começou a jogada do primeiro gol e deu o passe para o segundo, antes de ser substituído por Ilkay Gundogan no fim; já o ex-Atlético-PR deu início à movimentação do 2 a 0.

Jesus, Sterling, Silva... Gol!

Mesmo jogando fora de casa, o City precisou de pouco tempo para abrir o placar. Aos 9 min, Gabriel Jesus acionou Raheem Sterling, que foi à direita e cruzou para a área; bem localizado, David Silva precisou apenas aparecer em meio à marcação para escorar para as redes.

Paul Ellis/AFP Photo
David Silva recebeu de Sterling e fez 1 a 0 no começo do jogo

Stoke City quase entrega (duas vezes)

O próprio Gabriel Jesus teve a chance de ampliar aos 23 min, após erro na saída de bola do Stoke. No entanto, recebeu em condição de impedimento e ainda parou na defesa do goleiro Jack Butland - Leroy Sané ainda chegou a mandar para as redes no rebote, mas todo o lance já era inválido.

E olha que o erro não foi o único do Stoke: aos 31 min, em uma saída de bola muito curta, Kevin de Bruyne roubou e saiu na cara de Butland, que conseguiu o corte.

Defesa do Manchester City retribui a gentileza

Diante de tantos vacilos da defesa do time da casa, a zaga visitante também aprontou das suas. Aos 36 min, após longo tiro de meta batido por Butland, a bola pingou - Kyle Walker tentou recuar, mas exagerou na força e quase encobriu Ederson, que mandou para escanteio com um tapinha.

David Silva amplia em jogada brasileira

Após o intervalo, de novo o City não esperou para balançar as redes. Logo aos 5 min, Fernandinho tocou para David Silva, que trocou passes com Gabriel Silva pela direita e recebeu na área para mandar para as redes.

Susto no fim (e quase o 3 a 0)

Aos 30 min da etapa final, Konstantinos Stafylidis (Stoke City) e Nicolás Otamendi (Manchester City) se chocaram e ficaram no chão, fazendo a arbitragem parar o jogo para a entrada do atendimento médico. O ex-jogador do Atlético-MG foi socorrido fora do gramado e voltou com uma bandagem na cabeça. Ambos, porém, permaneceram em campo.

No reinício com bola ao chão, aos 33 min, o Manchester City levou a melhor e ficou com a bola. Sterling saiu na cara de Butland e driblou o goleiro, mas foi travado por Bruno Martins Indi na hora do chute.

UOL Cursos Online

Todos os cursos