UOL Esporte Campeonato Italiano
 
26/09/2009 - 16h43

Após derrota da Internazionale, Mourinho encerra 'boicote' à imprensa

Neste sábado, José Mourinho acabou com o silêncio de seis dias com a imprensa. O treinador da Internazionale voltou a falar com os jornalistas após a derrota dos nerazzurri por 1 a 0 para a Sampdoria, pelo Campeonato Italiano.

O treinador começou o 'boicote' depois da vitória por 2 a 1 sobre o Cagliari, na semana passada. Mourinho foi expulso durante o jogo e, desde então, não compareceu às entrevistas coletivas programadas.

"Não continuarei meu silêncio porque o clube me pediu, por conta de contratos com vocês. Se dependesse de mim, continuaria sem falar", disse Mourinho em entrevista à emissora de tevê Sky.

O polêmico treinador foi suspenso por uma partida e não esteve no banco de reservas no meio de semana, no confronto contra o Napoli. Mourinho não explicou os motivos para seu silêncio.

Questionado sobre a formação utilizada neste sábado, Mourinho respondeu de forma ríspida. "Eu sou o técnico. Eu decido e não tenho que dar explicações", enfatizou. Em uma das poucas perguntadas tratadas com mais calma, o técnico culpou as lesões como causa da derrota para a Samp. "Um time que fica sem Thiago Motta e Sneijder perde algo no meio-campo", concluiu.

Com a derrota, a Internazionale foi ultrapassada pela Sampdoria, que assumiu a liderança provisória do Campeonato Italiano com 15 pontos, dois a mais do que o time de Milão.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host