Time italiano pode perder R$ 20 milhões se vencer seu último jogo. Entenda

Do UOL, em São Paulo

  • EFE/EPA/FILIPPO VENEZIA

    Luca Toni, que se aposenta ao final da temporada, é a estrela do rebaixado Verona

    Luca Toni, que se aposenta ao final da temporada, é a estrela do rebaixado Verona

Uma peculiaridade do sistema de compensação financeira a times rebaixados no Campeonato Italiano pode fazer com que o Verona perca 5 milhões de euros (R$ 20 milhões) caso vença seu próximo jogo e cause a queda do Palermo na última rodada.

No "sistema paraquedas" - como é chamado o mecanismo que auxilia rebaixados na Itália -, se um time que está há três anos na primeira divisão cair, ele recebe 25 milhões de euros; se estiver há dois anos na elite, ganha 15 milhões de euros; e se tiver subido na temporada anterior, leva 10 milhões de euros.

Somadas, as compensações aos três rebaixados não podem ultrapassar 60 milhões de euros. Caso a soma não atinja esse valor, o que "sobrar" dos 60 milhões é repassado ao clube com mais temporadas na primeira divisão, caso ele não consiga subir de volta na temporada seguinte.

No caso do Verona, já rebaixado, o clube receberá 25 milhões de euros por ter disputado a Serie A em 2014, 2015 e 2016. O novato Frosinone, que também já caiu, receberá 10 milhões de euros. O último rebaixado será o Carpi (uma temporada na elite, receberia 10 milhões de euros) ou o Palermo (duas temporadas na elite, receberia 15 milhões de euros).

Portanto, se for rebaixado, o Palermo receberá um montante 5 milhões de euros maior do que o Carpi. Nesse caso, cairia a quantia repassada ao Verona se o time não subir no ano que vem - de 15 milhões para 10 milhões de euros.

Sendo assim, para o Verona, é mais vantajoso que caia o Carpi - que, para escapar, precisa pontuar contra a Udinese e torcer por um tropeço do Palermo justamente diante do... Verona.

O acionista majoritário do Carpi, Stefano Bonacini, já disse à imprensa italiana que "espera ver o Verona jogando contra o Palermo da mesma forma que jogou contra a Juventus" - na última rodada, o lanterna venceu os campeões por 2 a 1. A julgar pela situação inusitada e pelas declarações, a última rodada na Itália tem tudo para ser polêmica.

UOL Cursos Online

Todos os cursos