Higuaín faz dois, Juventus vence o Milan e assume liderança do Italiano

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS

A Juventus é a nova líder do Campeonato Italiano – pelo menos até o fim deste sábado (28). Com dois gols de Gonzalo Higuaín, a Velha Senhora venceu o Milan por 2 a 0 no San Siro e pulou para a liderança da competição. O Napoli enfrenta o Sassuolo na sequência da rodada e pode reassumir a ponta da tabela.

Mesmo fora de casa, a Juve aproveitou o bom momento na disputa e chegou à terceira vitória consecutiva. Diante de um adversário pressionado pela campanha irregular, a atual hexacampeã italiana impôs o ritmo em boa parte do confronto – principalmente com Dybala – e conseguiu o triunfo para se manter na briga pela primeira posição. A equipe igualou os 28 pontos do Napoli, mas leva vantagem no critério de desempate. Já o Milan chegou à quinta derrota no campeonato e se manteve na oitava colocação, com 16 pontos.

Na próxima rodada, a Juventus recebe o Benevento em Turim, enquanto o Milan tenta a recuperação diante do Sassuolo.

Brasileiros no banco

O lateral Alex Sandro e o meia-atacante Douglas Costa, ambos da Juventus, iniciaram a partida no banco de reservas. Mesmo com compromisso pela Champions League no meio de semana, o técnico Massimiliano Allegri optou por mandar a formação principal a campo.

Pressão rossonera

Com apenas uma vitória nos últimos cinco jogos anteriores (quatro pelo Italiano e um pela Liga Europa), o Milan começou a partida em ritmo acelerado. O time rossonero "abafou" o rival logo no começo em busca do gol. Bem postada, a Juve conteve o ímpeto dos donos da casa e, sem sofrer nenhum grande perigo, equilibrou as ações após os 15 minutos iniciais.

100 vezes Higuaín

O primeiro gol saiu após boa jogada entre a dupla argentina da Juventus. Aos 22 minutos da etapa inicial, Dybala recebeu com liberdade na entrada da área e acionou Higuaín, que girou bem para cima da marcação e bateu forte no canto esquerdo de Donnarumma. Foi a centésima vez que o atacante marcou em partidas do Campeonato Italiano.

No travessão!

O Milan teve ótima oportunidade para igualar o placar no fim do primeiro tempo. A partida se encaminhava para o intervalo quando, aos 45 minutos, Kalinic dominou na pequena área após desvio pelo alto e bateu na saída de Buffon para carimbar o travessão. A bola sobrou para Çalhanoglu cabecear no rebote, mas Rugani apareceu para evitar. Na sequência do lance, o zagueiro da Juventus comemorou como se tivesse feito um gol.

Sem reação...

Depois de um primeiro tempo de pouco ímpeto, o Milan não conseguiu mudar o ritmo do jogo na etapa final. Mesmo em desvantagem no placar, o time da casa teve problemas na criação de jogadas e pouco ameaçou a meta de Buffon. A única alternativa encontrada pela equipe foi a bola alçada dentro da área, mas sem sucesso. Além disso, os rossoneros tiveram bastante dificuldade para conter os avanços de Dybala ao longo da partida.

Higuaín faz o segundo

Aos 18 minutos da segunda etapa, a Juventus ampliou o placar. Asamoah escapou em jogada pela esquerda e tocou no meio para Dybala, que fez belo corta-luz para Higuaín. O atacante argentino dominou na entrada da área e bateu forte para marcar o segundo dele na partida. A bola ainda tocou no pé da trave antes de entrar.

Virando a chave

Após o clássico, as duas equipes dão uma pausa no Italiano e se concentram nas competições europeias. Na próxima terça-feira (31), a Juventus enfrenta o Sporting, em Portugal, pela Champions League. Dois dias depois, o Milan visita o AEK Atenas pela Liga Europa.

UOL Cursos Online

Todos os cursos