UOL Esporte Libertadores
 
Folha Imagem

O último 'fiasco' brasileiro foi com Cruzeiro, que perdeu a decisão do ano passado

09/02/2010 - 08h05

Após fiascos, brasileiros apostam em Libertadores como 'torneio interno'

Do UOL Esporte*
Em São Paulo

A fase de grupos da 51ª edição da Copa Libertadores começa nesta terça-feira, e Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Internacional e São Paulo tentam apagar os fiascos recentes do país pentacampeão mundial. A ausência de clubes tradicionais do continente, casos de Boca Juniors, River Plate e Peñarol, faz dos brasileiros favoritos a levantar a taça mais almejada da América.

ESTREIA DOS BRASILEIROS

10/2 São Paulo x Monterrey (MEX),
no Morumbi
10/2 Vélez Sarsfield (ARG) x Cruzeiro,
em Buenos Aires
23/2 Inter x Newell's Old Boys (ARG) ou Emelec (EQU), no Beira-Rio
24/2 Flamengo x Colón (ARG) ou Universidad Católica (CHI), no Maracanã
24/2 Corinthians x Racing (URU),
no Pacaembu

Nas últimas três temporadas, equipes do Brasil sucumbiram na final – Grêmio perdeu para o Boca em 2007, Fluminense para a LDU em 2008 e Cruzeiro para o Estudiantes no ano passado.

Agora, jogadores e técnicos apostam que a taça voltará ao país. “Todos os brasileiros estão se preparando muito bem, não só o São Paulo, mas Flamengo, Cruzeiro, Inter e Corinthians também. Essa Libertadores será brasileira”, opinou Ricardo Gomes, comandante do time do Morumbi.

O tricampeão São Paulo estreia quarta-feira em casa, às 21h50, contra o mexicano Monterrey. Os outros concorrentes no Grupo 2 são Nacional, do Paraguai, e Once Caldas, da Colômbia.

O cruzeirense Kléber acompanha o raciocínio de Ricardo Gomes. “Os brasileiros sempre entram como favoritos. Esse ano, apesar de não ter River e Boca, os times argentinos sempre entram bem, o Estudiantes foi campeão, o Vélez tem tradição. Tem o Colo Colo [do Chile]. Mas acho que os brasileiros são os favoritos.”

O representante de Minas Gerais viaja a Buenos Aires para encarar também nesta quarta, às 21h50, o Vélez Sarsfield, pelo Grupo 7. O Colo-Colo, do Chile, e o Deportivo Itália, da Venezuela completam a chave.

Corinthians, Flamengo e Internacional só entram em campo na última semana de fevereiro. No dia 23, o time gaúcho recebe, no Beira-Rio, o vencedor do duelo entre Newell’s Old Boys e Emelec, válido pela primeira fase, conhecida como Pré-Libertadores. Na partida de ida, empate por 0 a 0 em Rosário. Nesta quinta, as duas equipes voltam a se enfrentar, desta vez no Equador.

"Os brasileiros estão fortes, mas não podemos esquecer dos argentinos, mesmo que não estejam o Boca e o River. Eles têm muita vontade e pegada", comentou o lateral-esquerdo colorado Kléber, sobre o cenário da competição internacional. Além de Estudiantes, atual campeão continental, e Vélez, representam o país rival Lanus e Banfield, e Newell’s e Colón disputam as últimas vagas na Pré-Libertadores.

>> CONHEÇA O NOVO BOLÃO UOL ESPORTE E APOSTE!

“Entre nós do Brasil a concorrência é forte. Tem o Flamengo muito bem, o São Paulo sempre estruturado, o Cruzeiro ajeitadinho e o Corinthians que também se reforçou bem", analisou Bolívar, defensor do Inter.

REGULAMENTO E PAUSA DA COPA

O sistema de disputa da Copa Libertadores da América 2010 segue os mesmos padrões do ano anterior. Entretanto, na fase de grupos haverá uma mudança. Classificam-se 14 equipes para as oitavas de final, e não mais 16.

Isso porque os mexicanos San Luis e Chivas Guadalajara foram convidados a participar do torneio a partir da fase de mata-mata para compensar a desistência dos mesmos na edição de 2009, por causa da epidemia de gripe A.

Assim, os campeões de cada grupo mais os seis melhores segundos colocados avançam às oitavas - dois grupos terão apenas um representante na fase final. O time de melhor campanha entre os primeiros colocados enfrentará a 14ª melhor equipe da fase de grupos. O segundo jogará contra o 13º. O terceiro melhor dos grupos encara o San Luis, e o quarto o Chivas. Já o 5º pegará o 12º, e assim sucessivamente.

Foi mantido o cruzamento forçado para equipes do mesmo país a partir das semifinais. Caso duas equipes da mesma federação cheguem à semifinal em lados opostos, o cruzamento irá mudar para que elas se enfrentem antes da grande decisão. Se três ou mais equipes do mesmo país forem semifinalistas, a ordem das chaves será mantida.

Parada da Copa
A Copa do Mundo, realizada nos meses de junho e julho, provocará uma pausa na Libertadores. Por isso, as semifinais (28 de julho e 4 de agosto) e as finais (11 e 18 de agosto) estão agendadas para depois do Mundial de seleções.

O Flamengo manteve a base campeã brasileira e aposta na dupla Adriano e Vagner Love para voltar a triunfar na Libertadores após 29 anos. O debute será dia 24, no Maracanã, diante do ganhador de Universidad Católica e Colón. No jogo de ida, o clube argentino venceu por 3 a 2 em casa. A volta acontece nesta terça, em Santiago.

“Todos os times brasileiros são fortes e se reforçaram. Vai ser uma competição muito difícil, mas não acho que só os times do Brasil são os favoritos. Os argentinos sabem disputar a competição e não podem ser desprezados. Além disso, os chilenos sempre incomodam, também sabem jogar o torneio. Vai ser um torneio difícil, mas estamos nos preparando bem para ele. Caímos em um grupo difícil, com equipes do Chile e com o Caracas [da Venezuela], que há muito tempo não perde em casa”, ponderou o técnico Andrade.

No mesmo dia 24 é a vez do Corinthians fazer sua primeira exibição, contra o Racing, do Uruguai, no Pacaembu. Com um elenco repleto de estrelas, como Ronaldo e Roberto Carlos, o clube alvinegro é o único entre os brasileiros que nunca levantou a taça da Libertadores. Analisando os adversários, Mano Menezes minimiza a ausência de potências como Boca Juniors e River Plate.

"Não deixa mais fácil para nós. Claro que respeitamos a tradição, mas em 2007 [pelo Grêmio], por exemplo, o jogo mais difícil não foi contra o Boca no final, mas diante do Defensor, que não está entre os mais tradicionais do Uruguai", opinou o treinador. "Sempre surgem equipes com capacidade de surpreender."

*Colaboraram as Redações do Rio de Janeiro, Porto Alegre e Belo Horizonte

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host