UOL Esporte Libertadores
 
09/02/2010 - 07h19

Cruzeiro quer repetir em 2010 boa campanha fora de casa do ano passado

Gustavo Andrade
Em Belo Horizonte
  • Na Libertadores do ano passado, Cruzeiro, de Adilson, perdeu apenas um jogo como visitante

    Na Libertadores do ano passado, Cruzeiro, de Adilson, perdeu apenas um jogo como visitante

Na campanha do vice-campeonato da Copa Libertadores de 2009, o Cruzeiro alcançou aproveitamento de 57,14% nos jogos em que disputou fora de casa. Em sete partidas longe de seus domínios, a equipe celeste obteve três vitórias, três empates e apenas uma derrota. Diante do Vélez Sarsfield, nesta quarta-feira, em Buenos Aires, o time comandado por Adilson Batista quer repetir o bom retrospecto da última temporada.

O lateral-direito Jonathan confia que o Cruzeiro poderá iniciar bem a chave de grupos da Libertadores de 2010, mesmo jogando fora de casa. “Acho que nós temos tudo para fazer uma excelente Libertadores esse ano, como fizemos no ano passado, mas com uma história diferente. Esperamos fazer uma boa viagem, descansar o máximo possível, porque essa maratona de jogos, com viagens no meio, desgasta bastante os atletas”, afirmou.

Na última edição, o Cruzeiro somou quatro pontos fora de casa na fase de grupos. O time mineiro venceu o Universitário Sucre por 1 a 0, na Bolívia, empatou em 1 a 1 com o Deportivo Quito, no Equador, e foi derrotado pelo Estudiantes, por 4 a 0, na Argentina.

Já nas fases eliminatórias, a equipe de Adilson Batista esteve invicta longe de seus domínios. Nas oitavas-de-final e nas quartas-de-final, o Cruzeiro venceu o Universidade do Chile por 2 a 1 e o São Paulo por 2 a 0, respectivamente. Na semifinal e na final, a equipe empatou em 2 a 2 com o Grêmio e em 0 a 0 com o Estudiantes.

Para Jonathan, o Cruzeiro terá de atuar em Buenos Aires com a mesma postura que adota em partidas no Mineirão. “Temos que entrar focados nesse jogo, com o pensamento de vencer e procurar jogar no mesmo nível que jogamos no Mineirão, até mesmo contra as outras equipes que jogamos no Brasileiro no ano passado. Se ficarmos só marcando, a pressão vai ser muito grande e podemos até sofrer a derrota”, salientou.

O volante Elicarlos é outro atleta cruzeirense que quer ver a equipe focada diante do Vélez Sarsfield. “Temos de manter o foco e não deixar a desejar. A gente tem de entrar focado para ir em busca do nosso objetivo que é buscar a vitória, principalmente, fora de casa”, ressaltou.

 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host