UOL Esporte Libertadores
 
25/02/2010 - 16h33

Corinthians nega venda de ingressos duplicados e alega falha de intepretação

Do UOL Esporte
Em São Paulo

A diretoria do Corinthians emitiu nota oficial nesta quinta-feira dando versão sobre os incidentes ocorridos na área VIP do Pacaembu no triunfo do time sobre o Racing (URU), por 2 a 1, pela primeira rodada do grupo 1 da Libertadores. Diversos torcedores acusaram a organização de ter negociado ingressos para a mesma cadeira.

O clube nega e alega ter havido “falha de interpretação” da empresa contratada para operar o sistema Fiel Torcedor, responsável pela venda de ingressos antecipados para clientes do programa. O ingresso VIP era vendido de R$ 300 a R$ 500.

“É importante ressaltar que não houve ingressos duplicados. O setor Área Vip é divido em três seções (2, 3 e 4) podendo existir bilhetes com os mesmo números de cadeira e fileira, só que em seções diferentes”, destacou a diretoria alvinegra, pelo site oficial do clube.

Pouco mais de 32 mil espectadores assistiram à vitória do Corinthians, com renda superior a R$ 2 milhões.

“Por falha de operação, a mensagem enviada aos Fiéis Torcedores, e constante no comprovante de compra do ingresso, não tinha clara a qual setor pertencia cada um dos bilhetes. Identificado o problema, os torcedores foram encaminhados para os lugares previamente determinados”, complementou a nota oficial.

A direção do Corinthians comunica que o problema foi solucionado, mantendo o sistema Fiel Torcedor.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host