UOL Esporte Libertadores
 
12/03/2010 - 02h21

Técnico do Inter comemora empate e diz que time recuou pela altitude

Do UOL Esporte
Em Porto Alegre
  • Fossati gostou da postura do Inter no Equador

    Fossati gostou da postura do Inter no Equador

Jorge Fossati volta ao Brasil satisfeito com o um ponto conquistado em Quito, nesta quinta-feira. Mesmo tendo poucas chances claras e uma faísca de poder de ataque, o treinador gostou da postura do time e atribuiu o recuou da etapa final como algo ligado aos efeitos da altitude, todos minimizados antes da bola rolar afim de não preocupar os jogadores.

“O Inter teve um bom controle de jogo. Talvez da metade do segundo tempo para frente caiu nossa marcação. O primeiro tempo foi completo e depois tentamos levar mais que o empate. Sofremos duas ou três atuações bem difíceis e o Abbondanzieri mostrou sua categoria. Pelo esforço, atitude e disciplina tática merecemos o empate”, analisou Fossati, em entrevista à Rádio Gaúcha.

De toda forma, o comandante reconhece a ausência de uma maior presença do ataque. “O que a gente procurou com as trocas, era ganhar técnica do meio para frente e isso foi o que faltou na hora de passar do meio-campo para cima. Um pouco mais de passe certo para acabar as jogadas”, disse o uruguaio. “A única coisa que o time não teve bem, mesmo, em muito momentos, foi a precisão da última jogada para aproveitar os espaços”, completou Jorge Fossati.

“O Inter não jogou, logo do início, abraçado no Abbondanzieri. Procuramos alternância na posse de bola, na hora de partir na velocidade. O empate está bom demais”, reiterou o técnico. O clube gaúcho volta a campo na Libertadores no dia 18, em Rivera, contra o Cerro. Os uruguaios lideram o grupo 5, com seis pontos. Dois a mais que o Inter, segundo colocado. O empate rendeu aos equatorianos o primeiro ponto, para o Deportivo Quito. O Emelec é lanterna, sem ainda ter pontuado.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host