UOL Esporte Libertadores
 
25/03/2010 - 00h17

Volante Fabrício volta a jogar, mas diz que vai pensar "passo a passo"

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
  • Fabrício comemora volta após quatro meses de ausência

    Fabrício comemora volta após quatro meses de ausência

Nesta quarta-feira, o volante Fabrício participou de poucos minutos da vitória do Cruzeiro por 2 a 0 sobre o Deportivo Itália, no Mineirão, mas teve motivos especiais para comemorar. Ele voltou a entrar em campo depois de quatro meses. A última partida em que ele esteve em campo havia sido na vitória por 4 a 1 sobre o Coritiba, em 29 de novembro, pela penúltima rodada do Brasileirão. Desde então, Fabrício tentava se livrar de uma lesão na panturrilha esquerda.

Após a partida, Fabrício foi cauteloso a comentar sobre as chances de ele passar a ser utilizado regularmente pelo técnico Adilson Batista na sequência da temporada. “Vou pensar passo a passo, jogo a jogo. Não estou com pressa em voltar a jogar os 90 minutos. Vou entrando quando der e aos poucos melhorando o condicionamento físico. Mas ainda é cedo para falar quando conseguirei jogar por 90 minutos”, afirmou.

Nesta quarta-feira, Fabrício entrou aos 41min do segundo tempo para substituir o volante Marquinhos Paraná. Nos pouco mais de cinco minutos em que esteve em campo, ele ajudou a equipe a manter a vantagem de 2 a 0 que levou o Cruzeiro à liderança do grupo 7 da Copa Libertadores.

No princípio do ano, Fabrício iniciou a pré-temporada na Tocada Raposa II com os demais jogadores, mas voltou a sentir a lesão e passou a fazer tratamento intensivo. O volante chegou a ser relacionado para o clássico contra o Atlético-MG, pelo Campeonato Mineiro, em 20 de fevereiro, porém foi cortado e não ficou no banco de reservas.

Nesta terça-feira, ele foi acionado pelo técnico Adilson Batista para completar a relação de 18 jogadores para enfrentar o Deportivo Itália. O atacante equatoriano Guerrón sofreu uma contratura na coxa esquerda no treinamento desta terça-feira e o zagueiro Gil ainda não se recuperou de uma lesão no pé direito, provocada por um pisão sofrido na vitória sobre o América-MG, por 3 a 2, pelo Campeonato Mineiro. Assim, o treinador ficou com apenas 18 jogadores disponíveis para a partida desta quarta-feira.

O CRUZEIRO NO TWITTER

Adilson já não poderia contar com três jogadores contundidos: o volante Elicarlos, o lateral-esquerdo Fernandinho e o meia Roger, que sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo na vitória sobre o América-TO no último sábado. Já o atacante Kléber cumpriu suspensão por ter sido expulso no empate em 2 a 2 com o Deportivo Itália, em Caracas. Entre os 19 jogadores restantes estava o terceiro goleiro Flávio.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host