UOL Esporte Libertadores
 
31/03/2010 - 21h17

Convidado, Zico deve chefiar delegação flamenguista em jogo da Libertadores

Cauê Rademaker
No Rio de Janeiro
  • Após críticas às diretorias passadas, Zico volta a estreitar sua relação com o clube rubro-negro

    Após críticas às diretorias passadas, Zico volta a estreitar sua relação com o clube rubro-negro

Flamengo e Zico estão, a cada dia que passa, mais próximos novamente. Depois de o CFZ, clube do Galinho, ter assinado com o time rubro-negro parceria, agora foi a vez de o maior ídolo da história flamenguista ser chamado para chefiar a delegação da equipe em duelo pela Libertadores no dia 14 de abril.

A partida será em Santiago, no Chile, contra a Universidad Catolica. O “cargo” de chefe da delegação seria apenas algo simbólico, feito para homenagear Zico e mostrar a recente aproximação entre a diretoria do Flamengo e o ex-jogador.

“Convidei o Zico para chefiar a nossa delegação. Ele ainda não aceitou porque estará em São Paulo nos dias 12 e 13 de abril, mas estou apostando que vai dar um jeito de aceitar. Existe voo direto de São Paulo para Santiago”, disse de forma bem humorada a presidente Patrícia Amorim.

O FLAMENGO NO TWITTER

O confronto contra a Universidad Catolica será o penúltimo do Flamengo na fase de classificação da Libertadores. Por sinal, Zico esteve presente no Maracanã na estreia da equipe rubro-negra contra o mesmo adversário, também convidado por Patrícia Amorim. O time rubro-negro venceu o duelo por 2 a 0.

Antes do compromisso do dia 14 de abril, o Flamengo enfrenta nesta próxima quarta-feira a Universidad do Chile, às 21h50, no Maracanã. Com seis pontos, os brasileiros estão na segunda posição do Grupo 8, apenas um ponto atrás do rival de quarta-feira.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host