UOL Esporte Libertadores
 
24/04/2010 - 07h01

Corinthians usa futebol criticado para fugir do favoritismo contra o Fla

Alexandre Sinato
Em São Paulo

O Corinthians tem a melhor campanha da Libertadores e ostenta uma série de seis vitórias consecutivas. O Flamengo dependeu de outros resultados para avançar como pior segundo colocado e tenta sair de grave crise que já custou o emprego do técnico Andrade. Mas apesar desse cenário amplamente favorável, o time paulista refuta o rótulo de favorito nas oitavas de final. E usa as críticas sobre seu futebol para defender tal posição.

VEJA OS CONFRONTOS DA LIBERTADORES *

Datas Horários Duelos
27/04 20h45 San Luis x Estudiantes
27/04 23h00 Chivas x Vélez Sarsfield
28/04 19h30 Universitario x São Paulo
28/04 21h50 Flamengo x Corinthians
28/04 21h50 Banfield x Internacional
29/04 19h00 Cruzeiro x Nacional (URU)
29/04 21h15 Alianza Lima x U. de Chile
29/04 23h30 Once Caldas x Libertad

“Tenho ouvido que não estamos jogando um futebol convincente, então não podemos estar empolgados com quase nada”, argumentou Mano Menezes, em tom irônico, mas aproveitando as análises sobre a maneira de jogar de sua equipe.

Danilo concordou com o comandante. “As coisas se nivelam agora. São dois grandes clubes com duas grandes torcidas e tudo se iguala agora. Precisamos entrar muito concentrados para fazer um bom jogo no Rio”, projetou o camisa 10.

O primeiro duelo entre Corinthians e Flamengo será às 21h50 da próxima quarta-feira, no Maracanã. Uma semana depois, eles decidem no Pacaembu quem passa às quartas de final. Até lá, a ordem no Parque São Jorge é enaltecer a força rubro-negra e equiparar as chances dos dois times.

Os números, porém, apontam ampla vantagem para a campanha alvinegra. Nos seis jogos da fase classificatória, o Corinthians venceu cinco e empatou um, obtendo aproveitamento de 88%. O Flamengo, por sua vez, triunfou em três partidas, empatou uma e perdeu outras duas, somando 55% dos pontos.

“Na quarta que vem não enfrentaremos o Flamengo que teve dificuldade para classificar, mas um Flamengo mais forte”, opinou Mano. “Será um confronto muito duro, parelho, e quem errar menos avança”, completou o treinador.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host