UOL Esporte Libertadores
 
27/07/2010 - 19h20

São Paulo exibirá "Criança Esperança" em sua camisa no duelo com Inter

Carlos Padeiro
Em São Paulo
  • O São Paulo apresentou na tarde desta terça-feira o seu reforço para as semifinais da Copa Libertadores com ares de volta ao passado. Há quatro anos, Ricardo Oliveira ficou fora de uma final, pelo mesmo torneio, contra o Internacional porque o Betis, da Espanha, não aceitou prolongar o empréstimo.<br><br>Agora, o centroavante de 30 anos retorna ao Morumbi por empréstimo e justamente em uma véspera de mata-mata com a equipe gaúcha.

    O São Paulo apresentou na tarde desta terça-feira o seu reforço para as semifinais da Copa Libertadores com ares de volta ao passado. Há quatro anos, Ricardo Oliveira ficou fora de uma final, pelo mesmo torneio, contra o Internacional porque o Betis, da Espanha, não aceitou prolongar o empréstimo.

    Agora, o centroavante de 30 anos retorna ao Morumbi por empréstimo e justamente em uma véspera de mata-mata com a equipe gaúcha.

Sem patrocínio fixo durante toda temporada, o São Paulo exibirá o logo do Criança Esperança em seu uniforme no duelo desta quarta-feira com o Internacional, pelas semifinais da Copa Libertadores. A informação foi confirmada pelo departamento de marketing do clube.

A princípio, o acordo vale apenas para essa partida, mas poderá ser ampliado para o jogo de sábado contra o Ceará, no Morumbi, pela 12ª rodada do Brasileirão.

O time paulista não receberá nada pela iniciativa, já que o Criança Esperança é uma campanha filantrópica promovida pela Rede Globo em parceria com a Unesco (Órgão das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura). Neste ano, o projeto completa 25 anos de existência.

No início do ano, o São Paulo não renovou o contrato de patrocínio com a LG pois almejava ampliar o valor recebido. O presidente Juvenal Juvêncio chegou a sonhar com R$ 40 milhões anuais, porém a meta não foi atingida.

No primeiro semestre, o departamento de marketing fechou patrocínios pontuais com a Hypermarcas e com os grupos Aché e Bombril. O valor arrecado foi de aproximadamente R$ 10 milhões. Em outras partidas, a equipe do técnico Ricardo Gomes usou o uniforme limpo, sem propagandas de empresas.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host