UOL Esporte Libertadores
 
04/08/2010 - 08h21

Inter trabalha para saber dosar o risco e ter atitude dentro do Morumbi

Jeremias Wernek
Em Porto Alegre
  • Celso Roth sabe que poderá ser obrigado a correr riscos na partida do Morumbi, quinta-feira

    Celso Roth sabe que poderá ser obrigado a correr riscos na partida do Morumbi, quinta-feira

Um trabalho paralelo no Internacional vem sendo executado desde que teve fim o primeiro jogo com o São Paulo, nas semifinais da Copa Libertadores. Além de se preparar para o confronto decisivo, Celso Roth exercita com seus jogadores a dosagem certa do risco a ser corrido em território inimigo e qual tipo de atitude precisa ser empregada no gramado do Morumbi.

“Certamente o São Paulo vai tentar fazer o mesmo que fizemos aqui, no primeiro jogo, acuando bem. Nós temos que ter atitude, o contraveneno, inteligência e saída de jogo nessas situações”, destacou Celso Roth. “Treinamos isso, mas treinar e fazer é diferente”, completou.

No treinamento isolado da torcida e imprensa, Roth testou posicionamento capaz de diminuir a pressão do São Paulo que deve começar a partida com três atacantes. Em todas as manifestações de jogadores para a segunda partida da semifinal, um assunto sempre foi destaque: a atitude necessária para avançar à final.

Celso Roth reconhece não ser fácil definir o assunto e lembra que serão noventa minutos de um jogo, como qualquer outro, com suas variáveis. “Estamos em um jogo. Não tem como ser seguro sempre. Quem está jogando tem que tomar uma atitude de risco em algum momento”, comentou o treinador.

 

“O risco sempre faz parte. Risco não significa mudar jogadores. Posso ter ação de mudança de esquema, mas o risco é ter personalidade”, apontou Celso Roth. O treinador confirmou atenção especial dedicada as cobranças de pênaltis, em seu penúltimo trabalho antes do embarque para São Paulo. “Bem objetivo: treinei sim”, se limitou a dizer.

Com voo marcado para às 14h20min, a delegação do Inter parte para São Paulo, onde fica até, no mínimo, domingo. Depois de encarar o jogo da Libertadores, seja qual for o resultado, todos integrantes permanecem para a partida do final de semana, diante do Santos, pelo Brasileirão. Em caso de classificação para a decisão do torneio sul-americano, os jogadores e a comissão técnica seguem para o México no final da segunda-feira.
 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host