UOL Esporte Libertadores
 
05/08/2010 - 13h13

São Paulo e Inter aguardam aval da CBF para adiar jogos do fim de semana

Rafael Krieger*
Em São Paulo
  • Goleiro do Inter, Renan desembarca em São Paulo; times querem adiar jogos para planejar viagem

    Goleiro do Inter, Renan desembarca em São Paulo; times querem adiar jogos para planejar viagem

São Paulo e Internacional decidem nesta quinta-feira quem irá enfrentar o Chivas na final da Copa Libertadores, e já se preocupam com a logística de ter que viajar até o México para disputar o jogo decisivo na próxima quarta-feira.

Os dois clubes querem mais tempo para programar o deslocamento, e esperam que a CBF autorize o adiamento dos seus próximos compromissos pelo Campeonato Brasileiro. Para isso, a entidade precisa das confirmações de Atlético-PR e Santos, que teriam seus jogos cancelados no próximo domingo.

“A viagem é muito longa, e teremos que embarcar já no domingo à noite”, declarou o vice de futebol do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco. Ele confirmou que há um consenso com o Internacional para tentar liberar a agenda dos dois times no fim de semana.

“Isso foi comentado, e está havendo um entendimento por parte da própria televisão no sentido de adiar esses jogos”, completou Leco. Agora, São Paulo e Inter aguardam pelo “sim” de seus adversários no Brasileirão, resposta que não deve ser tão simples de se conseguir.

O São Paulo tem jogo programado para domingo, às 18h30, contra o Atlético Paranaense, em Curitiba. E, apesar de tal compromisso atrapalhar muito os planos de sair no domingo à noite rumo ao México em caso de classificação à final da Libertadores, o rival não parece ter a intenção de colaborar com a logística tricolor.

"Não tem a menor possibilidade de isto acontecer, por que isto fere totalmente o regulamento do Brasileiro e o Estatuto do Torcedor. O Atlético não entra nesta história. É bom lembrar que este jogo estava marcado, originalmente, para o sábado. Mas como a semifinal seria na quinta-feira, adiaram para o domingo à noite. Embora não se soubesse quem seria o adversário na final, eles deveriam ter esperado, pois o Chivas estava na disputa", explicou Ocimar Bolicenho, gerente de futebol do Atlético-PR.

Já o Internacional jogaria contra o Santos, também fora de casa, às 16 horas de domingo. O clube gaúcho deve ter mais facilidade para adiar esse jogo, já que os santistas acabaram de conquistar o título da Copa do Brasil.

No plano de logística inicial do Inter, uma possível viagem para o México aconteceria na segunda à noite. Obtendo o aval da CBF, os gaúchos voltam para casa logo depois da semifinal no Morumbi. Caso contrário, permanecem em São Paulo e jogam na Vila Belmiro com time completamente reserva.

* Colaborou João Carlos de Santa, de Curitiba

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host