UOL Esporte Libertadores
 
16/08/2010 - 11h11

Antes da final da Libertadores, Inter treina com quatro desfalques

Do UOL Esporte
Em Porto Alegre
  • No treino desta segunda, Celso Roth não pôde contar com Alecsandro, Guiñazu, Sandro e Tinga

    No treino desta segunda, Celso Roth não pôde contar com Alecsandro, Guiñazu, Sandro e Tinga

A dois dias da grande final da Libertadores, o Inter teve de improvisar no treino desta segunda no estádio Beira-Rio. O técnico Celso Roth não pôde contar com quatro jogadores, que preocupam para a decisão.

O Inter fez nesta segunda pela manhã o penúltimo treino antes da final da Libertadores contra o Chivas. Foram poupados das atividades quatro jogadores: o volante Tinga, com estiramento muscular, o volante Guiñazu, com entorse no tornozelo, e o atacante Alecsandro, com edema muscular, além do volante Sandro, que realizou apenas trabalho físico para se recuperar de dores musuculares.

Em um treino de posicionamento, Roth precisou improvisar. O volante Derley substituiu Sandro e Bruno Silva ficou na vaga de Guiñazu. Já a vaga de Tinga foi ocupada por Giuliano.

O time titular teve só dez jogadores, já que Alecsandro não foi substituído. O goleiro Renan, que atuou no domingo, também ficou de fora. O time ‘titular’ de Celso Roth teve Lauro; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Derley, Bruno Silva, Taison, Giuliano e D'Alessandro.

O Inter começou a semana decisiva na Libertadores com preocupação no departamento médico. Mas o lateral-esquerdo, ao final do treinamento desta segunda, minimizou os problemas. “O Inter tem um elenco muito forte. Os desfalques são importantes, mas quem entrar vai dar o máximo”, disse o jogador.

Os jogadores do Inter foram liberados após o treino desta segunda e se reapresentam às 18h30, quando já entram em regime de concentração. O último treino antes da final será na tarde desta terça-feira.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host