Topo

Futebol


Anderson decepciona na Libertadores, sai com 36 minutos e pede tempo

Do UOL, em Porto Alegre

2015-02-18T14:15:00

18/02/2015 14h15

Diego Aguirre escolheu Anderson para dar posse de bola ao Inter. O meio-campista foi titular diante do The Strongest, na terça-feira. Mas em vez de comprovar qualidade, decepcionou. Sofrendo com os efeitos da altitude, ele foi sacado ainda no primeiro tempo e pede tempo para deslanchar. 

O jogador tocou poucas vezes na bola. Praticamente não participou ou conseguiu atingir o objetivo do comando técnico nos 36 minutos em que esteve em campo diante dos bolivianos. Foi substituído para entrada de Vitinho. E no reservado, recebeu oxigênio para tentar recuperar-se. 
 
"Nós imaginávamos com o Anderson ter a bola e aproveitar a técnica do nosso meio-campo. Ter o controle do jogo, criar situações. Lamentavelmente ele [Anderson] não se sentiu bem. Foi uma decisão tática, procurando uma alternativa porque estávamos com muita dificuldade no jogo. Ele não pediu para sair", disse Diego Aguirre. 
 
Vitinho entrou no time e por pouco não marcou um gol. No segundo tempo, concluiu cruzamento e acabou acertando a trave. Foi uma das poucas vezes que o Inter ameaçou a soberania do The Strongest. Por fim, derrota por 3 a 1. 
 
Anderson pede tempo. Ele quer oportunidades em série atuando em Porto Alegre para ganhar ritmo e deslanchar. E poderá ter logo de cara. É cotado para ser titular diante do São Paulo-RS, no interior gaúcho. Depois, há confrontos com Universidad de Chile, Grêmio e Emelec em sequência no Beira-Rio. 
 
Os jogadores do Inter voltaram para Porto Alegre na manhã desta quarta. No fim de semana, uma equipe suplente deve ser utilizada. 

Mais Futebol