Robinho comemora profecia que deu certo e revela brincadeira com Fred

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

No final da semana passado um vídeo com Robinho falando da torcida do Atlético-MG viralizou entre os torcedores mineiros. Na gravação feita em 2006, durante a Copa do Mundo realizada na Alemanha, o atacante revelou que atuaria pelo Atlético quando deixasse o Real Madrid. Dez anos depois a profecia se concretizou, mas não como Robinho havia dito.

A chegada na Cidade do Galo não foi via Real Madrid, mas pelo Guangzhou Evergrande, da China. Além disso, Robinho passou por Manchester City, Milan e Santos (três vezes) desde que deixou o clube espanhol. No vídeo, o jogador ainda provoca os cruzeirenses, ao citar que a torcida do Atlético engolia a do rival em dias de clássicos no Mineirão, numa época em que o estádio era dividido meio a meio por atleticanos e cruzeirenses.

"Quando eu sair do Real Madrid eu vou jogar no Atlético Mineiro. A torcida do Galo é fera. Com o Mineirão lotado a torcida do Galo engole a torcida do Cruzeiro. Engole!", disse Robinho no vídeo feito em 2006, antes de puxar o tradicional grito de "Galo".

Escolhido pela assessoria de imprensa para conversar com os jornalistas, já que vai estrear pelo clube nesta quarta-feira, contra o Indendiente Del Valle, Robinho confirmou a veracidade da filmagem. O camisa 7 do Atlético revelou que a 'profecia' se tratava de uma brincadeira com o atacante Fred, que meses antes havia trocado o Cruzeiro pelo Lyon, da França.

"Eu profetizei em 2006. Se não me engano foi uma brincadeira com o Fred, que eu fiz, e sem saber profetizei. Estou tendo a oportunidade de jogar no Galo. Chegou o momento. Acabei profetizando naquela hora, agora estou muito feliz de estar aqui no Atlético e espero que eu possa ser campeão aqui no Galo".

Mas o fato que mais chamou a atenção dos atleticanos e fez o atacante ficar ainda mais popular entre os alvinegros foi o momento do clube na última década. Em 2006, o Atlético tentava se recuperar de uma das piores temporadas da sua história e estava na Série B do Brasileiro. Mesmo assim contava com a admiração de um jogador que estava no poderoso Real Madrid e então cotado para ser melhor do mundo nas temporadas seguintes.

"A torcida do Atlético sempre foi uma torcida muito vibrante. Desde a minha primeira passagem pelo Santos joguei contra o Atlético no Mineirão e no Independência, e a torcida sempre vibrou muito. Espero então que esse calor a favor possa nos ajudar bastante. O Atlético cresceu muito nos últimos anos, conquistou títulos merecidamente e, claro, estou ansioso para jogar, ansioso para procurar fazer o melhor dentro de campo", completou o jogador, que já trilha o caminho para se tornar ídolo em Minas Gerais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos