Corinthians supera tensão e mantém 100% na Libertadores graças a Guilherme

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

Dentro de casa e com o controle da maior parte do jogo, o Corinthians saiu da Arena em Itaquera com mais uma vitória em seu segundo compromisso na Copa Libertadores. O adversário da vez foi o Santa Fe, e o time do técnico Tite conquistou os três pontos com gol de Guilherme, aos 19min do segundo tempo.

O gol da vitória foi o segundo de Guilherme com a camisa do Corinthians. Ele havia balançado as redes do Capivariano, pelo Paulista, mas desta vez provocou alívio na Libertadores. 

O duelo contra o Santa Fe foi tenso, bastante disputado e o Corinthians teve dificuldades em encontrar espaço para finalizações perigosas. A ocasião que decidiria o jogo saiu dos pés de Fagner para um cruzamento de Rodriguinho que encontrou Guilherme, de surpresa, na pequena área. 

Com a vitória, o Corinthians chega aos seis pontos no Grupo 8 em duas rodadas e mantém a liderança da chave, dois à frente do Cerro Porteño, que é o próximo rival corintiano, no Paraguai. Já o Santa Fe permanece na terceira colocação, com dois pontos.

FICHA TÉCNICA

Corinthians 1 x 0 Ind. Santa Fe - Libertadores

Data: 02/03/2016
Local: Arena Corinthians
Público: 39.246 total (38.818 pagantes)
Renda: R$ 2.438.460,50
Gol: Guilherme (Corinthians), aos 19 minutos do segundo tempo
Cartões: Gordillo (Santa Fe) e Fagner (Corinthians)

Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Yago, Uendel; Bruno Henrique (Edílson); Giovanni Augusto, Rodriguinho, Guilherme (Willians) e Lucca; André. Treinador: Tite

Ind. Santa Fe: Zapata; Otálvaro (Almir Soto), Yerry Mina, William Tesillo, Leyvin Balanta; Gordillo, Juan Roa (Carlos Rivas), Jonathan Gomes, Perlaza, Luis Seijas; Ibargüen. Treinador: Gerardo Pelusso

Como foi o jogo

  • Primeiro tempoUm jogo duro como costuma ser na Copa Libertadores. O Corinthians dominou as ações do jogo em boa parte do primeiro tempo. Mas, em geral, teve dificuldades para assustar o goleiro Zapata. Foi um time de muitas trocas de passes, muita vontade, muitas roubadas e pouca profundidade e criatividade. Só houve uma clara oportunidade, quando André roubou bola na frente e deixou Giovanni Augusto livre para marcar - o toque saiu fraco, e a defesa colombiana afastou sobre a linha. Houve outros sustos, mas no fim o Santa Fe até se soltou. Gómez, da entrada da área, arriscou chute e obrigou Cássio a praticar ótima defesa.
  • Segundo tempoO jogo manteve um ritmo parecido após o intervalo, e Tite apostou na sequência da equipe que hesitava no primeiro tempo. Fagner, com espaço e muita velocidade, se tornaria a principal figura para levar o Corinthians à frente. E foi assim que, aos 19min, se iniciou o lance decisivo. O lateral deu bom passe a Rodriguinho, que de surpresa cruzou na linha de fundo para Guilherme, de cabeça, inaugurar o marcador. Em desvantagem, o Santa Fe enfim se soltou e teve duas boas chances - com Mina, pelo alto, e com Ibargüen, que travou duelo interessante com Felipe. Firme atrás, o Corinthians suportou a pressão e confirmou a segunda vitória em dois jogos.

Destaques

  • Depois da agressão, novos protestosA Gaviões da Fiel seguiu com protestos como em todos os jogos da temporada. Faixas de protesto, inclusive por outras organizadas, foram abertas contra os mesmos alvos de sempre: Globo, CBF, ingressos caros e o deputado Fernando Capez.
  • Guilherme na áreaTite quer fazer dele o novo armador da equipe, mas foi dentro da área que fez a diferença com gol de cabeça. Na comemoração, buscou o treinador no banco de reservas e deu um abraço forte
  • De novo 1 a 0O Corinthians de 2016 voltou a vencer pelo placar mínimo na Libertadores, como já havia feito contra o Cobresal

Melhores

  • Fagner, CorinthiansLevou a equipe à frente e colaborou diretamente no gol da vitória

Piores

  • Bruno Henrique, CorinthiansErrou muitos passes e irritou a torcida

Próximos Jogos - Corinthians

  1. Corinthians COR
    Vitória VIT
  2. Chapecoense CHA
    Corinthians COR
  3. Corinthians COR
    Atlético-GO ACG
  4. Santos SAN
    Corinthians COR
  5. Corinthians COR
    Racing Club RAC

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos