Gringo mais caro desta janela é alento do Grêmio contra "semestre ameaçado"

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

    Miller Bolaños estreia pelo Grêmio contra LDU pela Libertadores, na Arena

    Miller Bolaños estreia pelo Grêmio contra LDU pela Libertadores, na Arena

Pode parecer precoce dizer que o semestre estaria ameaçado apenas na segunda partida pela Libertadores. Mas é consenso entre os jogadores. Se o Grêmio perder para LDU, terá a principal competição do início do ano sob sério risco. Poderia ganhar Gauchão e Primeira Liga, mas nem mesmo os títulos menores teriam peso maior do que a Libertadores. E para evitar que a ameaça venha tão rápido, Miller Bolaños é aposta diante da LDU, nesta quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), na Arena. 

Se a seca de títulos dura desde 2010, a de conquistas relevantes vem desde 2001. E no primeiro semestre deste ano apenas a Libertadores pode findar tamanha espera. Gauchão e Primeira Liga são bem inferiores à competição continental. Ficar ameaçado nela significaria abalar todo início de ano. 
 
E a derrota para o Toluca na estreia preocupa, pois os mexicanos eram considerados rivais mais fracos no grupo 6 da Copa. E se não vencer a LDU em casa, precisará obrigatoriamente reverter fora. E Quito está 2,8 mil metros acima do nível do mar. O San Lorenzo é o outro time na chave e também considerado duro adversário. 
 
Antes da terceira rodada, os equatorianos lideram o grupo com três pontos ao lado do Toluca, igual em todos os critérios de desempate. Grêmio e San Lorenzo não pontuaram e estão lado a lado na lanterna. 
 
"Sem dúvida (não vencer deixa o Grêmio com a corda no pescoço). Estamos muito mal, tivemos um resultado horrível na estreia e precisamos retomar para voltar à competição. É um jogo altamente importante. Precisamos do resultado, mais do que jogar bem. Meio a zero, gol contra, gol de bico, temos que pontuar, não importa como", explicou Giuliano. 
 
Para acreditar na recuperação, o primeiro pilar é Miller Bolaños. Com 70% dos direitos comprados por R$ 19,3 milhões, o gringo mais caro comprado por clubes brasileiros nesta janela de transferências poderá estrear. O técnico Roger Machado não definiu se ele começará jogando ou entrará durante a partida. Mas a presença dele, que seja no banco, já dá esperanças aos aficionados. 
 
Torcedores, por sinal, que prometem fazer sua parte. A expectativa supera as 40 mil pessoas, número que colocaria o duelo entre os maiores públicos da história da Arena, inaugurada em dezembro de 2012. Até hoje, a maior presença bate em 47.244 torcedores. 
 
"É um jogo decisivo, sim. Precisamos vencer e vamos contra com nosso torcedor para isso", disse o meia Giuliano. "No último jogo tivemos a torcida o tempo todo no nosso lado, isso nos ajuda muito e este tipo de torcedor vai nos ajudar", completou o zagueiro Pedro Geromel. 
 
Cheia de ex-jogadores de clubes brasileiros, a LDU é lanterna no Campeonato Equatoriano. Luís Bolaños, Carlos Tenorio, Morales, Alemán e Dida Dominguez são os nomes mais conhecidos da equipe. 
 
FICHA TÉCNICA
GRÊMIO X LDU
Data e hora: 02/03/2016 (quarta-feira), às 21h45 (Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: Globo e Fox Sports
Árbitro: Jesus Valenzuela (VEN)
Auxiliares: Carlos Lopez e Luis Sanchez (ambos da Venezuela)
GRÊMIO: Marcelo Grohe; Wallace Oliveira, Pedro Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Edinho, Maicon, Giuliano, Douglas e Miller Bolaños (Everton); Luan. 
Técnico: Roger Machado
LDU: Dida Domínguez; Quintero, Araújo, Romero e Vega; Benavídez, Hidalgo, Alemán e Diego Morales; Tenorio (Luís Bolaños).
Técnico: Claudio Borghi
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos