Nova cara. Atlético-MG revê rival e muda 7 peças em relação a duelo de 2015

Thiago Fernandes e Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Robinho fará sua primeira partida como titular do Atlético-MG na Libertadores 2016

    Robinho fará sua primeira partida como titular do Atlético-MG na Libertadores 2016

Um ano e um mês depois de visitar o Chile para jogar contra o Colo-Colo, o Atlético-MG retorna ao país para enfrentar a mesma equipe. O duelo, agora, é válido pela terceira rodada do Grupo 5 da Copa Libertadores da América. Entretanto, o que mudou no time brasileiro desde aquele compromisso, disputado em fevereiro de 2015, até o duelo desta quinta-feira (10), às 21h45 (de Brasília), no Estádio Monumental David Arellano?

Nada menos que sete peças, incluindo a troca do treinador. Para se ter ideia, somente Luan segue entre os titulares do setor ofensivo. A contenção do meio de campo permanece inalterada, com Rafael Carioca e Leandro Donizete. Dois defensores ainda estão entre os onze iniciais. Victor e Leonardo Silva já eram goleiro e zagueiro da equipe, respectivamente.  O UOL Esporte fez a lista de alterações e explicou o porquê delas:

1) Levir Culpi por Diego Aguirre

Bruno Cantini/Atlético MG/Divulgação

Muita coisa foi alterada. Entre as mudanças, estão a saída de Levir Culpi, que não renovou o contrato no fim de 2015, e a contratação de Diego Aguirre. O técnico uruguaio foi anunciado às vésperas da 38ª rodada do Brasileirão e comandou a sua primeira partida somente em janeiro, durante a Florida Cup.

2) Patric por Marcos Rocha 

Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

O lateral direito se contundiu às vésperas do confronto, diante do Democrata, de Governador Valadares, pelo Campeonato Mineiro, e não reuniu condições de atuar contra o Colo-Colo na capital chilena. Sem o seu camisa 2 titular, o Atlético entrou em campo com Patric.

3) Jemerson por Erazo

Bruno Cantini/Atlético MG

Erazo era jogador do Grêmio à época e Jemerson uma das principais revelações do futebol sul-americano. Hoje, zagueiro revelado pelo Atlético defende as cores do Mônaco, da França. O equatoriano, por sua vez, foi contratado para substituir o jogador que deixou a capital mineira por 10 milhões de euros. Os mineiros, detentores de 60% dos direitos econômicos doa atleta, faturaram R$ 26,5 milhões.

4) Pedro Botelho por Douglas Santos

Leo Correa/Mowa Press

Campeão da Copa do Brasil 2014 pelo Atlético, Douglas Santos sofreu uma lesão no joelho direito e não reuniu condições de viajar a Santiago. A ausência do lateral esquerdo titular fez com que Pedro Botelho assumisse a vaga.

5) Jesus Dátolo por Juan Cazares

Bruno Cantini/Atlético MG

A qualidade apresentada por Juan Cazares nas partidas mais recentes do Atlético-MG fez com que ele tenha assumido a condição de titular. O equatoriano recebeu a camisa 11 e tem a incumbência de armar a equipe, função de Dátolo à época. O argentino, hoje, é o reserva imediato da equipe no setor de criação.

6) Jô por Lucas Pratto

Bruno Cantini/Atlético-MG

O argentino já estava no elenco do Atlético-MG. Entretanto, se ausentou do compromisso devido a um problema na coxa esquerda e nem sequer viajou ao Chile na ocasião. O camisa 9 foi substituído por Jô, atleta que mais balançou as redes pelo time mineiro durante uma edição de Copa Libertadores da América. O antigo camisa 7 atleticano foi negociado junto ao Al Shabab, dos Emirados Árabes Unidos.

7) Maicosuel por Robinho

Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

Titular à época, Maicosuel foi emprestado ao Sharjah FC, dos Emirados Árabes Unidos, e só retorna a Belo Horizonte em maio deste ano. Na sua vaga, o técnico Diego Aguirre não tem ninguém menos que Robinho. O Rei das Pedaladas fará a sua primeira partida como titular do Atlético na Copa Libertadores.

Ficha técnica
Colo-Colo (Chile) x Atlético-MG

Motivo: 3ª rodada do Grupo 5 da Copa Libertadores da América
Local: estádio Monumental David Arellano, em Santiago (CHI)
Data: 10 de março de 2016 (quinta-feira)
Horário: às 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Gery Vargas
Assistentes: Juan Montaño e Wilson Arellano

Colo-Colo
Justo Villar; Gonzalo Fierro, Julio Barroso, Matías Zaldivia e Jean Beausejour; Martín Rodríguez, Claudio Baeza, Esteban Pavez e Jaime Valdés; Martín Tonso e Esteban Paredes.
Técnico: José Luis Sierra.

Atlético-MG
Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete, Luan e Juan Cazares; Robinho e Lucas Pratto.
Técnico: Diego Aguirre.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos