Libertadores pode antecipar 'resgate' do Grêmio. Mas passa pelo San Lorenzo

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Grêmio mira subir na classificação do grupo 6 da Libertadores e depende de vitória

    Grêmio mira subir na classificação do grupo 6 da Libertadores e depende de vitória

Quando assumiu o comando do Grêmio, o presidente Romildo Bolzan Júnior propôs um processo de resgate financeiro e desportivo. A necessidade de voltar a vencer passaria, muito, pela recuperação da instituição. O clube não contava, porém, que a vaga na Libertadores viesse logo no primeiro ano do processo. Agora, avançar no resgate tricolor passa também por seguir na Copa, e para isso o jogo desta terça-feira às 21h45 (horário de Brasília) é fundamental. 

Com a vitória sobre a LDU, os mexicanos do Toluca abriram 3 pontos em relação ao vice-líder do grupo 6, o Grêmio. Têm 7 pontos contra 4 dos brasileiros. A LDU soma 3 e o San Lorenzo tem 2, em último. Uma vitória gremista colocaria a equipe em posição privilegiada no torneio. Mas uma derrota poderia simbolizar a lanterna da chave ao fim da quarta rodada. 
 
O Grêmio não calculava que o processo de reconstrução seria tão rápido. Quando decidiu abrir mão das principais peças do time no início do ano passado, sob alegação de reduzir a folha de pagamentos e garantir a saúde financeira do clube, o Tricolor pretendia uma boa campanha mas não esperava tanto. 
 
Acreditando apenas nos momentos decisivos, a vaga na Libertadores veio e com ela a expectativa de poder disputar o título da competição, mesmo antes do planejado inicialmente. O Grêmio, na formação do elenco para 2016, ainda não teve condições de fazer um grande investimento. Não estava pronto para entrar com força no torneio mais importante do continente. 
 
Até conseguiu um jogador de renome. Miller Bolaños foi contratado por R$ 19,4 milhões. O gringo mais caro desta janela de transferências. Mas nada dos cofres tricolores. A compra foi paga por um investidor, que emprestou dinheiro ao clube. Só que em seu segundo jogo, pelo Gauchão, o equatoriano fraturou a mandíbula em dois lugares e volta apenas em 45 dias. 
 
Seguir com chances de disputar o título da Libertadores mantém o projeto do Grêmio 'acima do esperado'. Se o título vier, o passo é maior ainda. Mesmo assim, os investimentos seguirão baixos para dar solidez ao processo. Para voltar a crescer, o clube precisa de uma base firme. 
 
O adversário foi algoz do Tricolor na campanha de 2014. O San Lorenzo mostrou em Porto Alegre que é um adversário complicado. Depois de empatar na Arena, os argentinos acreditam que a recuperação na chave ocorrerá diante de sua torcida, no estádio Nuevo Gasômetro. 
 
FICHA TÉCNICA
SAN LORENZO X GRÊMIO
Data e hora: 15/03/2016 (Terça-feira), às 21h45 (Brasília)
Local: estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires (ARG)
Transmissão na TV: Fox Sports
Árbitro: Andres Cunha (URU)
Auxiliares: Miguel Nievas e Carlos Pastorino
SAN LORENZO: Torrico; Buffarini, Angeleri, Caruzzo e Más; Ortigoza, Mussis, Beluschi, Cerutti e Blanco; Cauteruccio.
Técnico: Pablo Guede
GRÊMIO: Marcelo Grohe; Wesley, Fred, Pedro Geromel e Marcelo Oliveira; Edinho, Maicon, Giuliano e Douglas; Luan e Everton. 
Técnico: Roger Machado

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos