Após tropeço, Bauza admite: "Faltou tranquilidade para aproveitar chances"

Do UOL, em São Paulo

A situação do São Paulo na Libertadores ficou mais difícil depois do empate por 1 a 1 contra o Trujillanos nesta quarta-feira (16), o técnico Bauza admitiu em entrevista coletiva após o jogo que o time não teve tranquilidade em campo.

"Não tivemos tranquilidade para aproveitar as oportunidades. Tivemos mais entrega, lutamos, mas não vencemos, e isso é a Libertadores, um torneio assim, nunca sabemos o que pode acontecer", comentou na entrevista divulgada no site oficial do clube.

O treinador ainda falou das contas que o São Paulo vai precisar fazer para conseguir passar de fase na competição continental. "A conta é essa agora: temos que pontuar mais. Não há outra maneira de nos mantermos na disputa se não for desta forma", analisou.

Bauza ainda acredita na classificação. "Vamos pensar jogo a jogo nas próximas três partidas, é assim na Libertadores. Não sabemos o que vai acontecer, mas temos chance de buscar a classificação. Vamos fazer o impossível até a última rodada para buscar a vaga", completou o treinador.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos