Imprensa uruguaia diz que Palmeiras foi tímido e vê Nacional com vaga

Do UOL, em São Paulo

  • Matilde Campodonico/AP

    Jogadores do Nacional comemoram gol marcado sobre o Palmeiras

    Jogadores do Nacional comemoram gol marcado sobre o Palmeiras

A imprensa uruguaia considerou merecida a vitória do Nacional contra o Palmeiras, 1 a 0, na quinta, pela Libertadores. Os principais jornais do Uruguai reprovaram a atuação alviverde e acreditam que o triunfo em casa praticamente colocou o Nacional nas oitavas.

O El Observador apontou o processo de transição do Palmeiras como um dos motivos pelo fraco rendimento do clube paulista em campo. Cuca fez sua estreia no comando, substituindo Marcelo Oliveira.

"O Palmeiras foi tremendamente tímido, sem ambição. Chegou ao gol de Conde uma só vez, aos 45 minutos do 2º tempo, após um erro de Barcia, que originou o arremate de Alecsandro", comentou a publicação.

O Republica.com citou que o Palmeiras não ameaçou o Nacional no primeiro tempo, mas que apresentou leve melhora com as entradas de Robinho e Gabriel Jesus na etapa final.

"A equipe de Cuca parecia se contentar em ter todos seus jogadores em seu campo, deixando claro que o empate seria motivo de alegria no vestiário".

"Mas a ilusão do Palmeiras começou a se diluir no minuto 50, com uma cabeçada de Nicolás López", acrescentou.

O El Dia manchetou: "Um grande Passo", em referência à liderança alcançada pelo Nacional com a vitória em casa

"Os tricolores [Nacional] pressionaram o rival, e o Palmeiras esperou em seu campo. O goleiro Prass foi fundamental para que os uruguaios não ficassem em vantagem na etapa inicial".

Com a vitória, o Nacional chegou a 8 pontos. O Rosario Central é o segundo da chave, com 7 pontos. O Palmeiras aparece em terceiro, com 4 pontos. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos