Mudança da Conmebol pode atrasar estreia do novo reforço do Atlético-MG

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Primeiro dia de Carlos Eduardo como jogador do Atlético-MG foi apenas de avaliações e exames

    Primeiro dia de Carlos Eduardo como jogador do Atlético-MG foi apenas de avaliações e exames

Contratado pelo Atlético-MG no final de março, o meia Carlos Eduardo começou a treinar na Cidade do Galo somente nessa quarta-feira e já foi apresentado, logo depois de fazer sua primeira atividade com o novo clube. Por causa do contrato com o Rubin Kazan, da Rússia, o jogador perdeu quase um mês de trabalho em campo.

Algo que vai fazer muita falta para o atleta, especialmente se a Conmebol confirmar o primeiro jogo do Atlético nas oitavas de final da Libertadores na próxima semana. Com pouco tempo de trabalho e sem condição de atuar no Campeonato Mineiro – as inscrições se encerraram no último dia 15 –, Carlos Eduardo dificilmente vai ter condição de atuar na próxima fase do torneio continental.

Ele não atua desde o começo de dezembro, na derrota do Rubin Kazan para o Rostov por 1 a 0, pelo Campeonato Russo, no dia 4 daquele mês. Perto de completar cinco meses sem participar de um jogo, o meia espera ter mais alguns dias de preparação, para ter condição física de jogar já nas oitavas de final.

"Infelizmente tive um período grande de negociação com o clube russo, mas se definiu nesta última semana. Vinha treinando forte, comecei a treinar com meu preparador físico particular, em Porto Alegre. Treinos fortes, duas vezes por dia, com corridas e funcional. Todos me elogiaram pela parte física e isso facilitará o trabalho", revelou Carlos Eduardo.

Como a Conmebol não deve seguir a fórmula dos anos anteriores, quando marcou apenas os confrontos dos mexicanos na semana seguinte ao encerramento da primeira fase, Carlos Eduardo vai ter uma semana a menos de preparação para estrear já nas oitavas de final. Apesar do curto tempo, o jogador se mostra confiante para ser relacionado em breve pelo técnico Diego Aguirre.

"Acho que posso sim estrear logo, pois cheguei com boa base física. Fui bem nos testes, pelo que falaram e estou com bastante força. Estou dois quilos acima, estava parado, mas em uma semana eu volto ao normal", garantiu o novo reforço alvinegro.

Vice-campeão da Libertadores em 2007, com o Grêmio, Carlos Eduardo volta a disputar o principal torneio da América do Sul após dois anos. Em 2014, ele fez parte do elenco do Flamengo que caiu na primeira fase. Carlos Eduardo disputou apenas duas partidas naquela edição, sendo apenas uma como titular.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos