Michel Bastos provoca Strongest e critica expulsão de Calleri

Do UOL, em São Paulo

O meia Michel Bastos, do São Paulo, ironizou o The Strongest no retorno da delegação de La Paz, na Bolívia, nesta sexta-feira (22). O meia provocou os bolivianos pela briga entre os dois times após o fim da partida e também criticou a expulsão do argentino Jonathan Calleri.

"Falaram que não iam deixar o Calleri jogar com o Boca e no final eles vão assistir", disse Michel Bastos, durante desembarque no aeroporto de Guarulhos.  

"Calleri só entrou para comemorar e acabou sendo agredido e expulso. Perder um jogador assim sem motivo algum... Muita gente não acreditava na classificação, nós mesmos dificultamos um pouco, mas não foi fácil decidir a classificação na altitude", disse o meio-campista.

"Se eu estiver errado, me corrijam, mas que eu saiba ele não agrediu ninguém. O Centurion também foi agredido e eu tomei um chute. Ninguém sabe a razão de tudo isso no final. Isso demonstra o desrespeito deles com o São Paulo. O São Paulo é grande e sempre precisam respeitar. Perder um jogador como Calleri é difícil por uma atitude que ele não cometeu", completou. 

Relembre aqui a provocação feita pelos jogadores do The Strongest ao vencer o São Paulo, na primeira fase.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos