Invicto na Libertadores, goleiro do Atlético-MG estreia fora do Brasil

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • AFP PHOTO / Douglas MAGNO

    Estreia de Giovanni na Libertadores foi em 2014, contra o Zamora, da Venezuela

    Estreia de Giovanni na Libertadores foi em 2014, contra o Zamora, da Venezuela

Um dos jogadores há mais tempo no elenco do Atlético-MG é Giovanni. Destaque do rebaixado Grêmio Prudente, no Campeonato Brasileiro de 2010, o goleiro chegou à Cidade do Galo em janeiro de 2011. Desde briga contra o rebaixamento à conquista da Copa Libertadores. Giovanni passou por quase tudo desde que se tornou jogador do Atlético.

Embora tenha dois títulos internacionais no currículo, o atual goleiro titular da equipe alvinegra ainda não defendeu o gol do Atlético numa partida fora do Brasil. Entre 2013 e 2016, Giovanni participou de muitas viagens internacionais, mas sempre para ficar no banco, já que Victor é o dono da camisa 1.

Como o titular absoluto está machucado, operou o ombro direito em dezembro do ano passado, Giovanni assumiu o gol do Atlético nos primeiros jogos de 2017. Atuou em oito das nove partidas do time na temporada. Nesta quarta-feira tem Copa Libertadores, contra o Godoy Cruz, em Mendonza, na Argentina, às 19h30.

Partida que vai marcar a estreia de Giovanni fora do Brasil como jogador do Atlético. "Estou bastante focado nessa nossa estreia diante do Godoy Cruz. Sabemos da pressão que enfrentaremos jogando na casa rival, mas o nosso time é experiente e qualificado para buscarmos esse resultado. Viajamos com antecedência para nos habituarmos e termos a melhor preparação para essa partida. É fundamental largar com o pé direito", declarou o goleiro atleticano.

Como faz parte do elenco atleticano há mais de seis anos, Giovanni vai para a sua quinta participação na Libertadores. Jogos, no entanto, ele tem apenas dois. Um da edição de 2014 e outro no ano passado. Sempre no Independência e sempre sem sofrer gols. Vitória por 1 a 0, sobre o Zamora, da Venezuela, há três anos, e triunfo por 3 a 0 sobre o Colo-Colo, na edição de 2016.

"Me preparei muito nas férias e na pré-temporada para ter essa sequência no Atlético. Todo meu esforço vem sendo recompensado numa série de bons resultados e atuações seguras. Fico contente também pelo reconhecimento da torcida atleticana que cada vez mais confia no meu futebol. Quero dar muitas alegrias ainda aos torcedores do Galo", completou Giovanni, que tem 68 partidas com a camisa atleticana.

No final do ano passado, Giovanni renovou o contrato com o Atlético. Aos 30 anos, o goleiro tem vínculo com o clube até o final de 2018.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos