Borja tem três chances, mas passa em branco pela 1ª vez no Palmeiras

Do UOL, em São Paulo

  • Gustavo Garello/Jam Media via AP

    Borja lamenta chance desperdiçada do Palmeiras contra o Atletico Tucuman, na Argentina

    Borja lamenta chance desperdiçada do Palmeiras contra o Atletico Tucuman, na Argentina

Titular pela primeira vez com a camisa do Palmeiras, Borja não conseguiu balançar as redes do Atlético Tucumán na estreia da Libertadores de 2017 nesta quarta-feira (8). O atacante colombiano, no entanto, foi um dos mais acionados no setor ofensivo no empate por 1 a 1.

Foi a primeira partida que ele passou em branco na sua nova equipe. Antes, ele havia marcado um gol em 22 minutos de jogo contra a Ferroviária e outro em 45 minutos em cima da Ferroviária. Aos 40 minutos do 2º tempo, ele foi substituído por Willian reclamando até de câimbra.

Com pelo menos três chances clara, Borja anos arrancou o "uh" dos palmeirenses logo na primeira metade do primeiro tempo, em boa defesa do goleiro adversário. Depois, ainda teve outras boas chances em contra-ataques, especialmente armado por Dudu.

Era nítido que os palmeirenses queriam colocar o ex-Atlético Nacional em boas condições de jogo. Em um contra-ataque, Roger Guédes, que acabara de entrar, estava mais livre, mas foi preterido por Dudu, que preferiu acionar o colombiano. 

Contratado por mais de R$ 30 milhões, o camisa 12 foi a contratação mais comemorada para a temporada de 2017, ao longo de Alejandro Guerra.

No ano passado, ele fez 39 gols e despertou a atenção de diversas equipes pelo mundo, inclusive da China. De olho na Europa, no entanto, ele preferiu ficar no Brasil e conseguir uma boa campanha para então migrar para a elite do futebol mundial.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos